Greve de docentes chega, nesta sexta-feira, ao décimo dia

Professores aproveitaram encontro de prefeitos na Fiema ontem (29) para protestar, e interditaram a avenida Daniel de La Touche.

Biné Morais / O Estado

SÃO LUÍS – Os professores municipais de São Luís chegaram ontem ao nono dia corrido de greve geral da categoria, iniciada no dia 22 deste mês. Ontem (29), um grupo deles fez um protesto em frente à sede da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), no retorno da Cohama, na tentativa de chamar atenção de autoridades municipais que participavam de um encontro promovido pelo Tribunal de Contas da União e que deveria contar com a presença de vários prefeitos do Maranhão, entre eles Edivaldo Holanda Jr. (PTC), prefeito de São Luís.

Gritando palavras de ordem, os professores ficaram durante toda a manhã na porta do estacionamento de entrada da federação e, em determinados momentos, fechavam a avenida Daniel de La Touche por cerca de dois minutos e depois liberavam a via. Fonte Imirante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *