PRF troca tiros e prende um assaltante de van em São Luís

Uma ocorrência incomum aconteceu na manhã desta terça feira (08) na Unidade Operacional da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Pedrinhas em São Luís, quando uma van adentrou na área do posto PRF com dois assaltantes fazendo os passageiros de reféns.
A van se deslocava saindo de São Luís para o interior do estado.
Na altura do km 12,8, próximo a um posto de venda de combustíveis, na BR 135, os dois passageiros pediram parada e subiram no veículo. Quase em frente à penitenciária de Pedrinhas, por volta das 9h30, os dois homens anunciaram o assalto e indicaram um local para onde o condutor deveria seguir. O condutor da van não obedeceu a ordem dos assaltantes e adentrou na área do posto PRF de Pedrinhas e parou o veiculo junto à marquise, enquanto gritava “assalto, assalto”.
Os policias responderam de pronto e trocaram tiros com um dos assaltantes, que, armado de um revólver calibre 38, conseguiu fazer uma das passageiras de refém. À vista do perigo de alvejar a vítima, os PRFs não atiraram mais. O acusado liberou a vítima e conseguiu fugir. O outro assaltante, que portava uma faca, foi preso pelos agentes e conduzido para a delegacia da Cidade Operária.
Uma hora depois policiais militares conseguiram prender o outro assaltante.
Fonte: PRF e Blog do Alpanir

Filho flagrado agredindo a mãe idosa é julgado em São Luís

Começou na manhã desta terça-feira (8), a segunda audiência de instrução e julgamento de Roberto Elísio Coutinho de Freitas que foi flagrado em uma série de vídeos agredindo a mãe, uma idosa de 84 anos em São Luís. A audiência está sendo realizada na 8ª vara criminal no Fórum Desembargador Sarney Costa na capital.
O acusado está preso desde o fim de maio e foi indiciado por maus tratos, tortura e crime financeiro praticado contra sua mãe. O caso aconteceu há três meses chocou o Maranhão, provocou reações imediatas de autoridades maranhenses.
Sete testemunhas de defesa e acusação irão prestar depoimento durante o dia, dentre elas o médico psiquiatra que atestou problemas psiquiátricos no acusado, seu filho e a ex-mulher que o acusou de praticar os maus tratos contra a mãe. Após a audiência, a Justiça deverá decidir se absolve ou condena o acusado.
De acordo com a juíza Oriana Gomes, a sentença final do caso deve sair em até cinco dias. “Nós vamos ouvir as testemunhas de acusação e defesa e se o Ministério Público oferecer alegações finais, o que eu acredito que não, já que ele [o acusado] tem um advogado que está acabando de entrar no caso (…). A sentença pode não sair hoje, já que eles devem oferecer [a sentença] através de memoriais que são cinco dias para cada um. E em seguida sai a sentença”, explica.
 
Entenda o caso
O bacharel em direito Roberto Elísio Coutinho de 51 anos foi preso após ser flagrado em uma série de vídeos agredindo sua própria mãe, uma idosa de 84 anos em maio deste ano. Os vídeos foram gravados pela ex-mulher de Elísio.
Em sua defesa, o Elísio afirmou em entrevista a Rádio Mirante AM que sofre de problemas mentais e que iria procurar ajuda profissional. Após ser preso pela Polícia Civil, o acusado foi denunciado pelo Ministério Público do Maranhão pelos crimes de tortura, maus tratos, retardamento de prestação de assistência à pessoa idosa e apropriação indébita.
Do G1,MA

Reunião para elaboração do PPA

A equipe do poder executivo municipal e membros da sociedade civil organizada do município de Vargem Grande, se reuniram no inicio da manhã de hoje 08/08/2017 no auditório do Centro de Formação Dra. Elizabeth Ftinck no bairro São Francisco,  para traçar o mapa do Plano Pluri Anual que sera implementado pela administração municipal nos próximos 4 anos. Na abertura dos trabalhos, o prefeito Carlinhos Barros, pediu que se fizesse um plano que atendesse as necessidades da população mas que estivesse dentro da realidade financeira do município. Dr. Benedito Coroba foi o segundo a falar e lembrou que Vargem Grande tem uma enorme carência em todas as áreas,mas que era preciso escolher, prioridades e se possível,as prioridades das prioridades.

Familiares de maranhense desaparecido do naufrágio no Rio Amazonas pede intensificação das buscas

Familiares de vítimas do naufrágio estão organizando uma mobilização em prol dos 9 desaparecidos no naufrágio no Porto de Óbidos no Rio Amazonas. Os organizadores exigem maior intensificação na buscas pelas vítimas.

Nove pessoas ainda estão desaparecidas, dentre elas, o maranhense natural de São Vicente de Férrer, Marcelo Reis. Amigos e familiares de vítimas pedem ajuda para que os órgãos competentes intensifiquem no resgate de possíveis sobreviventes, ou, corpos.

A manifestação está marcada para amanhã (09), as 15h e os manifestantes pretendem interditar a MA 014. Todos os que estiverem em prol da causa devem comparecer vestidos com roupas na cor branca.

As equipes de resgate alegam que a dificuldade em localizar e continuar com as buscas por vítimas se devem ao nível de profundidade do Rio Amazonas, que no ponto do naufrágio chega a ter 60 metros, com uma forte correnteza.

Fonte: Luis Cardoso

PRF prende suspeito após troca de tiros em tentativa de assalto a van, na BR-135

thumbnail_IMG-20170808-WA0016

Na manhã desta terça-feira (8), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) trocou tiros com dois assaltantes, que estavam fazendo passageiros de uma van de reféns.

Segundo a PRF, a van se deslocava saindo de São Luís para o interior do estado. Na altura do km 12,8, próximo a um posto de venda de combustíveis, na BR 135, os dois passageiros pediram parada e subiram no veículo.

Quase em frente à penitenciária de Pedrinhas, por volta das 9h30, os dois homens anunciaram o assalto e indicaram um local para onde o condutor deveria seguir.

IMG-20170808-WA0018

O condutor da van não obedeceu a ordem dos assaltantes e adentrou na área do posto PRF de Pedrinhas e parou o veiculo junto à marquise, enquanto gritava “assalto, assalto”.

Os policias responderam de pronto e trocaram tiros com um dos assaltantes, que, armado de um revólver calibre 38, conseguiu fazer uma das passageiras de refém. À vista do perigo de alvejar a vítima, os PRFs não atiraram mais. O acusado liberou a vítima e conseguiu fugir.

O outro assaltante, que portava uma faca, foi preso pelos agentes e conduzido para a delegacia da Cidade Operária (FECOP)

Uma hora depois policiais militares conseguiram prender o outro assaltante.

IMG-20170808-WA0015

 

Fonte: Blog do Neto Ferreira

Filho flagrado agredindo a mãe idosa é julgado em São Luís

roberto

Começou na manhã desta terça-feira (8), a segunda audiência de instrução e julgamento de Roberto Elísio Coutinho de Freitas que foi flagrado em uma série de vídeos agredindo a mãe, uma idosa de 84 anos em São Luís. A audiência está sendo realizada na 8ª vara criminal no Fórum Desembargador Sarney Costa na capital.

O acusado está preso desde o fim de maio e foi indiciado por maus tratos, tortura e crime financeiro praticado contra sua mãe. O caso aconteceu há três meses chocou o Maranhão, provocou reações imediatas de autoridades maranhenses.

Sete testemunhas de defesa e acusação irão prestar depoimento durante o dia, dentre elas o médico psiquiatra que atestou problemas psiquiátricos no acusado, seu filho e a ex-mulher que o acusou de praticar os maus tratos contra a mãe. Após a audiência, a Justiça deverá decidir se absolve ou condena o acusado.

1

De acordo com a juíza Oriana Gomes, a sentença final do caso deve sair em até cinco dias. “Nós vamos ouvir as testemunhas de acusação e defesa e se o Ministério Público oferecer alegações finais, o que eu acredito que não, já que ele [o acusado] tem um advogado que está acabando de entrar no caso (…). A sentença pode não sair hoje, já que eles devem oferecer [a sentença] através de memoriais que são cinco dias para cada um. E em seguida sai a sentença”, explica.

Entenda o caso

O bacharel em direito Roberto Elísio Coutinho de 51 anos foi preso após ser flagrado em uma série de vídeos agredindo sua própria mãe, uma idosa de 84 anos em maio deste ano. Os vídeos foram gravados pela ex-mulher de Elísio.

Em sua defesa, o Elísio afirmou em entrevista a Rádio Mirante AM que sofre de problemas mentais e que iria procurar ajuda profissional. Após ser preso pela Polícia Civil, o acusado foi denunciado pelo Ministério Público do Maranhão pelos crimes de tortura, maus tratos, retardamento de prestação de assistência à pessoa idosa e apropriação indébita.

Do G1,MA

Alerta! 588 presos vão passar o Dia dos Pais fora da cadeia

Complexo Penitenciário em Pedrinhas

Foi autorizada pela 1ª Vara de Execuções Penais da Comarca da Ilha de São Luís (VEP) a saída temporária de 588 presos para visita aos familiares em comemoração ao Dia dos Pais. A portaria, assinada pela juíza titular Ana Maria Almeida, determina a saída às dez horas da manhã desta quarta-feira (9) e o retorno até as 18 horas da terça-feira, dia 15.

A portaria esclarece que os beneficiados não poderão se ausentar do Maranhão, bem como não frequentar festa, bares e similares. Os presos estão proibidos de portar arma ou ingerir bebidas alcoólicas, e devem recolher-se às suas casas até as oito da noite. Os dirigentes das unidades prisionais deverão comunicar junto à 1ª Vara de Execuções Penais, até as 12h do dia 15, sobre o retorno dos internos e/ou eventuais alterações. A saída temporária de presos encontra respaldo na Lei 7.210/1984 (Lei de Execuções Penais).

Sobre a saída de presos, a VEP cientificou a Secretaria de Estado de Segurança Pública, Secretaria de Estado de Administração Penitenciária, Superintendência da Polícia Federal, Superintendência de Polícia Rodoviária Federal, e diretorias dos estabelecimentos penais de São Luís, para operacionalização das medidas estabelecidas na portaria.

 

Fonte: Blog do Minard

Dr. Sousa assume delegacia de polícia de Vargem Grande

Após ser empossado pelo secretário de segurança Pública Jefferson Portela na sua ultima passagem por Vargem Grande, assumiu efetivamente a delegacia de polícia de Vargem Grande Dr. José Sousa Costa Junior, depois de ter realizado um excelente trabalho na cidade de Miranda do Norte. Os profissionais da segurança pública de nosso estado, bem como o delegado regional de Itapecurú, Dr. Murita  conhecem as demandas da segurança pública no município, por isso, segundo eles, foi bem vinda a transferência de doutor Sousa para trabalhar nesta cidade. Tivemos a oportunidade de conversar com o delegado e acreditamos que fará um bom trabalho em nossa cidade.Esse primeiro momento, não é de cobranças até porque, Dr. Sousa, está conhecendo a realidade municipal a partir desse primeiro momento quando assume a delegacia e conhece as suas demandas e limitações.

INADIMPLÊNCIA: TJMA decide por intervenção do Estado em Matões

O fundamento da medida está relacionado com o descumprimento de ordem judicial relativa a pagamento de precatório datado de 2003.

 

 Os desembargadores das Primeiras Câmaras Cíveis Reunidas do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) julgaram procedente uma representação para intervenção do Estado no Município de Matões, em razão de descumprimento de ordem judicial. A decisão unânime não afasta o prefeito do cargo e é com o fim específico de assegurar que a administração municipal pague precatório no valor de R$ 247.417,86, devido ao Estado.
O desembargador Vicente de Paula Gomes de Castro, relator da representação interventiva, determinou que a decisão seja comunicada ao governador do Estado, a quem cabe decretar e executar a intervenção. Os autos serão encaminhados ao presidente do TJMA, desembargador Cleones Cunha, a quem compete comunicar o teor da decisão ao chefe do Executivo.
De acordo com o voto do relator, o fundamento da medida está relacionado com o descumprimento de ordem judicial relativa a precatório datado de 2003. Castro verificou que o Município de Matões possui dívida, oriunda de sentença transitada em julgado, que originou o precatório, pendente de pagamento desde o ano de 2004, situação que configura patente transgressão à Constituição Federal, bem como à Estadual, ante o comportamento recalcitrante de inadimplência.
O Município sustentou a inclusão da despesa no orçamento para o exercício financeiro de 2013, mas o relator, de acordo com o parecer do Ministério Público do Maranhão (MPMA), entendeu que a mera inclusão não se mostra suficiente para afastar a inadimplência.
Vicente de Castro disse que, mesmo tendo oportunidade, em mais de uma ocasião, de demonstrar, por meio de documentos, o pagamento da dívida existente, o Município limitou-se em insistir que o débito era de responsabilidade de gestão anterior.
Além de registrar a ausência de pagamento, o relator considerou inexistente qualquer justificativa capaz de afastar a medida pleiteada pelo Estado, entendendo que o Município demonstrou patente descaso ao agir como se o cumprimento da determinação judicial dependesse da conveniência do gestor.
Após citar decisões semelhantes do próprio TJMA, o desembargador Vicente de Castro destacou não ser o caso de regime especial de pagamento, uma vez que o Município não se manifestou pelo parcelamento, e também entendeu não caber a determinação de sequestro ou bloqueio de verbas públicas, diante da ausência de pedido pela parte credora, sendo, além disso, medida de atribuição da Presidência do Tribunal.
O relator votou pela procedência da representação, para reconhecer a pertinência da intervenção estadual no Município de Matões, a fim de que seja efetivado o pagamento do precatório em favor do Estado. O voto, de acordo com o parecer da Procuradoria Geral de Justiça, foi acompanhado pelos demais desembargadores presentes.

Policiais Civis da Seic prendem traficante no bairro da Vila Maranhão

Na tarde desta segunda-feira (07), após investigações, a Polícia Civil, por meio do Departamento de Combate ao Crime Organizado da Superintendência Estadual de Investigações Criminais – SEIC, realizou a prisão de JOSÉ DE RIBAMAR MARTINS OLIVEIRA, vulgo “ZEQUINHA” (33 anos de idade), capturado na posse de 10kg da droga popularmente conhecida como maconha e 1kg de crack.
Após receberem informação de que “ZEQUINHA” estava praticando o tráfico ilícito de entorpecentes no bairro Vila Maranhão, os policiais se deslocaram até o bairro e, após algumas diligências preliminares, conseguiram identificar sua residência, onde encontraram várias porções de maconha prensada e de crack, prontas para a comercialização.
JOSÉ DE RIBAMAR MARTINS OLIVEIRA foi conduzido à Superintendência Estadual de Investigações Criminais – SEIC e, após análise técnico-jurídica da Autoridade Policial, foi autuado em flagrante delito como incurso no crime de tráfico de drogas (Art. 33 da lei 11.340/06) e foi encaminhado ao Sistema Penitenciário Estadual (Complexo de Pedrinhas), onde ficará à disposição da Justiça.

ABSURDO: Policiais da Delegacia da Mulher prendem homem que abusava sexualmente da sobrinha a mais de 20 anos

A Polícia Civil por meio da Delegacia de Proteção a Mulher, prendeu nesta segunda-feira (7), um homem pelo crime de estupro, ele foi identificado por Domingos da Conceição Vieira
Segundo informações repassadas pela polícia o estuprador violentada uma sobrinha a mais de vinte anos.
Até a tarde de hoje ele permanecia na DEM, localizada na Avenida Beira-Mar, no centro de São Luís.
A prisão acontece no dia em que a Lei Maria da Penha, um marco no combate a violência contra as mulheres, completa 11 anos de sancionada.

ENTENDA O CRIME:

Domingos da Conceição Vieira, estuprou a própria sobrinha, uma jovem de  28 anos, portadora de necessidades especiais, ou seja, como o crime já ocorria a mais de 20 anos, a vilonecoa sexual começou quando a vítima ainda era criança. A jovem compareceu na manhã de hoje na DEM e comunicando que na madrugada também de hoje, o seu tio Domingos invadiu a sua residência portando uma faca, onde por meio de agressões físicas forçou a conjunção carnal.

A tia da vítima em depoimento relatou que ela foi criada pela avó, mãe de Domingos e já falecida, sofrendo a vítima abusos sexuais por parte do tio desde a sua infância, fato este não denunciado pela avó para proteger o agressor.