Urgente: Encontrado o corpo do jovem desaparecido em Santa Luzia-MA

Na tarde desta sexta-feira(05), foi encontrado o corpo de Antonio Aurélio Araújo de Pinho (Toinho). 

Antonio estava desaparecido desde as 03:00h, da manhã, seu corpo foi encontrado embaixo da estrutura de concreto de uma caixa d’água que fica no terreno onde funcionava uma  antiga serraria, ao lado da casa de eventos Espaço Show Luziense, na Rua da Estrela centro de Santa Luzia-MA. 

Não se tem ainda uma versão oficial da causa da morte, mas segundo populares Antonio apresentava fraturas nas pernas o que pode indicar suicídio se jogando do topo da estrutura. Mais informações a qualquer momento nas nossas atualizações dessa matéria.

Reveja

O titular deste blog externa qui seus sentimentos a família e roga a Deus que conforte os corações de amigos e familiares

Agente penitenciário é preso tentando entrar com droga e clulares em Pedrinhas

O agente penitenciário temporário Genilson Gomes, de acordo com informações preliminares, foi preso no inicio da tarde de hoje dia (05), tentando passar para dentro do presídio São Luís III, no complexo penitenciário de pedrinhas uma quantidade de drogas e aparelho celulares. Segundo informações, o agente no momento da prisão, estava com dez aparelhos celulares e dois quilos de maconha. A prisão do agente pode e deve ajudar as autoridades a desvendar esse misterioso comercio de armas, drogas e celulares dentro do presídio.

Faleceu na manhã desta sexta a jovem Larissa

Morreu nesta manhã desta sexta-feira (05), em um dos hospitais de São Luís, a jovem Larissa Costa, 18 anos,  filha de Valdecir de Jenuca. Segundo informações,  ontem a noite Larissa se queixava de fortes dores na barriga e foi levada as pressas para o hospital municipal de Presidente Vargas e em seguida para São Luís. Hoje pela manhã chegou a notícia, que a jovem não resistiu e acabou falecendo.

Informações do Blog do Sérgio Roberto

Jovem é encontrado morto às margens do Rio Mearim em Pedreira-MA

Populares encontram na tarde desta quinta-feira (4) as 16:00 horas um corpo no Rio Mearim. Segundo informações é de um usuário de droga identificado por Mateus Martins da Silva, que trabalhava retirando areia das margens do rio e mora nas proximidades.
A polícia na pessoa do Ten. Davi, Sgt. Josimar e Saldado Marcelo, estiveram no local juntamente com o corpo de bombeiros, e estão apurando o que aconteceu, segundo informações ainda, Mateus estava desaparecido há 48 horas e morava no bairro Boiada na Rua Beira Rio.

Polícia militar recupera carro roubado de funcionário da prefeitura de Timon

Policiais militares do 11º Batalhão recuperaram na tarde desta quinta-feira (04) veículo roubado em 2014 de um funcionário da prefeitura de Timon.Carlos Zangirolani Sousa Silva teve o carro furtado no bairro Parque Alvorada em setembro daquele ano.
Na tarde de hoje os militares durante abordagem a veículos no residencial Júlia Almeida, acabaram parando o motorista do carro e descobrindo que o automóvel  constava como roubado, sendo o motorista e o veículo conduzidos para a Central de Flagrantes para os procedimentos.
O veículo é um Renault  Clio de placa LVT 0449.
O rapaz que conduzia o carro disse que não sabia ser o veículo roubado.
Numa demonstração de que a fiscalização dos veículos que circulam na cidade é um serviço deficiente, descobriu-se que o carro tem aproximadamente 4 mil e 500 reais em multa, todas adquiridas após o automóvel ter sido roubado.
Os policiais militares fizeram a parte deles entregando o carro e apresentado o homem que o conduzia na Central de Flagrantes de Timon. O verdadeiro dono do carro também já foi comunicado da recuperação., tendo herdado, claro, um problema para resolver: as multas que o veículo apresenta.

Mais de 100 mil benefícios do Bolsa Família estão cancelados ou bloqueados no Maranhão.

Programa Bolsa Família foram cancelados ou bloqueados no Maranhão.

MARANHÃO – Mais de 100 mil benefícios do Programa Bolsa Família foram cancelados ou bloqueados no Maranhão pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). Além destes, 32.638 encontram-se em fase da avaliação. Nesta quinta-feira (04), o Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) divulgou o resultado da avaliação para aprimoramento dos controles relativos ao programa.

Em nível nacional, foram cancelados 469.612 benefícios, 1.468.681 estão bloqueados e 620.030 estão em fase de avaliação. A Bahia é o estado com maior número de cancelamentos, bloqueios e avaliação, cerca de 200 mil (veja quadro abaixo)

A auditoria buscou verificar a confiabilidade dos resultados do cruzamento das bases de dados oficiais com os valores de renda declarados pelos beneficiários no Cadastro Único, a fim de identificar indícios de pagamentos indevidos, bem como avaliar as providências adotadas pelo órgão frente às inconsistências.

O tema foi selecionado pela CGU devido à importância de garantir controle e transparência das informações do Bolsa Família, tendo em vista sua relevância social – o público-alvo do Programa refere-se às 13,5 milhões famílias que vivem em situação de extrema pobreza (renda mensal por pessoa até R$ 85) e de pobreza (renda mensal por pessoa entre R$ 85,01 e R$ 170, desde que tenham em sua composição crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos).

A concessão dos benefícios tem caráter temporário e não gera direito adquirido, devendo o Cadastro Único ser atualizado obrigatoriamente em até dois anos ou quando houver alteração da situação de condição das famílias.

Inconsistências cadastrais – O cruzamento de dados realizado pelo MDS utilizou uma nova metodologia, a qual foi proposta por um Grupo de Trabalho Interinstitucional (GTI), formado por representantes da Casa Civil da Presidência da República, do próprio Ministério do Desenvolvimento Social, do Ministério da Fazenda, do Ministério do Planejamento, da CGU, do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) e da Caixa Econômica Federal. Também ocorreram debates envolvendo a Polícia Federal (PF), o Ministério Público Federal (MPF) e o Tribunal de Contas da União (TCU).

Como resultado foram identificadas mais de 2,5 milhões de famílias que recebiam benefícios do Programa Bolsa Família com indícios de inconsistência cadastral. Elas foram enquadradas em três faixas de renda familiar per capita (RFPC), conforme quadro a seguir:

Famílias PBF com inconsistências cadastrais
RFPC até R$ 170 RFPC entre R$ 170,01 e ½ salário mínimo RFPC acima de ½ salário mínimo Total
620.032 1.468.681 469.612 2.558.325
Fonte: Resultados GTI

O MDS aplicou o bloqueio dos benefícios para os casos em que as famílias tiveram renda per capita inconsistente identificada entre R$ 170,00 e meio salário mínimo (R$ 440,00), visto que se enquadram na regra de permanência (flutuações pontuais de renda que não alteram a condição estrutural de pobreza), sendo necessário o recadastramento para o desbloqueio. Já para aquelas com renda superior a meio salário mínimo, foi aplicado o cancelamento do benefício.

Subdeclaração de renda – Em paralelo, a CGU também realizou comparação entre as rendas registradas em outras bases de dados oficiais com aquelas declaradas no Cadastro Único, a fim de identificar famílias que teriam fornecido informações inverídicas.

Os testes apontaram quase 346 mil famílias com fortes indícios de terem falseado a declaração da informação de renda no momento do cadastro – o que representa pagamentos indevidos de até R$ 1,3 bilhão para um período de dois anos. Nas situações em que a irregularidade ficar comprovada, após a condução de processo administrativo, serão aplicadas sanções legais, tais como devolução de valor e impossibilidade de retornar ao Programa por um ano.

Ponte Marcelino Machado será liberada para tráfego nesta sexta-feira (5)

Segundo o prazo do próprio DNIT, a ponte deveria ter sido entregue no dia 22 de dezembro, antes das festas de fim de ano.

Foto: De Jesus / O ESTADO

Depois de mais de um mês interditada, a Ponte Marcelino Machado (sobre o Estreito dos Mosquitos) terá o tráfego liberado a partir desta sexta-feira (5). Sem horário específico para a liberação, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) afirma que a Polícia Rodoviária Federal dará suporte para fazer essa liberação de acordo com a fluidez do tráfego, para a segurança dos usuários.

Segundo o prazo do próprio DNIT, a ponte deveria ter sido entregue no dia 22 de dezembro, antes das festas de fim de ano. No entanto, um imprevisto atrapalhou esses planos. Na época, o órgão alegou que a prorrogação da conclusão da obra ocorreu por conta da interrupção de energia elétrica nos dias 23 e 24 de novembro. Logo, foi necessário um prazo maior para a verificação da fixação do concreto da ponte.

Ao todo, foram investidos nessas obras R$ 2.458.165,61

Leia, na íntegra, a nota informativa do DNIT:

Devido a conclusão dos serviços emergenciais de recuperação da Ponte Marcelino Machado (sobre o Estreito dos Mosquitos – sentido entrada de São Luís) o DNIT informa que:

1- O tráfego na ponte será liberado dia 05 de janeiro de 2018 (sexta-feira).

2- Não há um horário específico para a liberação. Será de acordo com a fluidez do tráfego e de modo a preservar a segurança dos usuários.

3- O DNIT já solicitou à Polícia Rodoviária Federal apoio para a orientação do trânsito no local. Fonte Imirante

Atriz da Globo ensina como fazer ritual com sangue menstrual

Uma notícia vem dividindo a opinião de muitas mulheres nos últimos dias, depois que a atriz Bianca Bin da Rede Globo, publicou uma série de stories ensinando como fazer um ritual com o sangue menstrual.
O ritual chamado de “plantar a lua“, e inclusive vários famosos se tornando adepto a ele, está ganhando cada vez ais espaço no Brasil. Ele faz parte do cotidiano de mulheres que seguem a filosofia de vida do sagrado feminino e consiste em coletar parte do sengue menstrual, para oferecê-lo como sacrifício de sangue para a terra.
Existem inclusive sites que ensinam todo um passo a passo de como fazer o tal ritual de sangue.
O sacrifício de sangue pode ser enterrado em um jardim ou vaso de planta, e segundo ela, será usado como fertilizante para aterra. Ela também diz que o ritual irá lhe fazer um enorme bem coo mulher.

Preso um dos suspeitos de executar mulher durante assalto, após ela falar que conhecia um dos assaltantes

No fim da tarde dessa quarta-feira (3), policiais do 3º Batalhão da Polícia Militar prenderem um dos suspeitos do assassinato de uma mulher, praticado no dia 1º deste mês. Regimilson Silva Freitas, 26 anos, foi preso no bairro São José.
A prisão foi efetivada após a polícia receber informações de que o suspeito estaria escondido na casa de um parente. Ele foi conduzido para o Plantão Central da Polícia Civil e, ao ser interrogado, disse que matou a mulher sem querer.
Regimilson Silva Freitas é um dos suspeitos de assassinar Gisleia Silva, 32 anos. Ela foi morta durante uma tentativa de assalto, no bairro Vila Palmares.
De acordo com informações policiais, o suspeito atirou e, em seguida, desferiu vários golpes contra a cabeça da vítima, usando a coronha da arma. Achando pouco, a asfixiou, sendo esta a causa da morte de Girleia Silva. O crime foi praticado com um comparsa.

SERÁ QUE TODOS SÃO IGUAIS?

É comum ouvir que todos os políticos são iguais, todos os homens, todas as mulheres, todos os que se querem atingir com alguma pecha negativa. Resolve-se assim, facilmente, uma questão complexa, generalizando as responsabilidades individuais.

O homem arranja outra mulher, dorme fora de casa, chega bêbado e sujo de batom na segunda-feira. “Todos os homens são iguais”, consola-se a esposa ou companheira desprezada.

O homem retribui o elogio que vem do público feminino dizendo que mulher só traz de diferente o nome e o CPF,  porquanto repete as mesmas atitudes, a mania de controle da localização do namorado, noivo ou marido, as perguntas sobre com quem e onde estava, como se fosse aula de redação para preencher o onde, quando, como e por quê.

Esse tipo de argumento somente favorece o errado, porque, ao ser misturado, o inocente paga pelo pecador.

Ocorre muito isso na política, o que favorece o nivelamento por baixo. Para determinados eleitores, tanto faz votar em um assaltante de bancos quanto em um cidadão cumpridor de seus deveres, pendendo a balança para quem oferecer mais vantagens.

Só haveria lógica em comparar o cidadão que sai para trabalhar às 5h com o ladrão que ataca as vítimas na parada de ônibus se todos fossem realmente iguais, mas não são. É incorreto igualar a operária e a dona de casa com a prostituta que faz programas e vende drogas.

Não podemos perder a fé em nós mesmos, senão é melhor desistir até da esperança.