Acabou para Lula; Marcelo Odebrecht entrega nota fiscal de “Lula, o filho do Brasil”

Marcelo Odebrecht entregou à Lava Jato uma nota fiscal de R$ 250 mil referente a apoio financeiro para o filme “Lula, o filho do Brasil”.

 
Segundo o empreiteiro, quando tinha prestado depoimento a PF ‘aparentemente os pagamentos não estavam vinculados diretamente ao filme, ou seja, o nome da empresa não apareceria como uma das financiadoras do projeto’. Marcelo Odebrecht tinha se comprometido a buscar documentos, contratos e notas fiscais que embasaram os pagamentos.
NOTA FISCAL
A NF 2930, reproduzida pelo Estadão, foi emita em 4 de maio de 2009, em nome da produtora Filmes do Equador, de Luiz Carlos Barreto.
A descrição dos serviços é a seguinte: “Cota de patrocínio da obra intitulada ‘Lula, o filho do Brasil’. Conforme contrato.”
A cinebiografia é alvo de investigação da força-tarefa de Curitiba por suspeita de tráfico de influência de Lula junto à Odebrecht.
Fonte: www.jornal21brasil.com.br

TRAIÇÃO, MOTEL, CORRERIA, POLÍCIA E DELEGACIA

Blog do Alex Ramos

Foto blog do Sérgio Martins(Vítima “Ricardão”)
Graças a polícia militar “Ricardão”, não é morto por marido que flagra mulher que iria para “cafofo do amor” ou simplesmente para um motel fazer coisas incríveis.
O marido conhecido como André Lino Nascimento Sousa, 24 anos, ajudante de pedreiro, morador de Bacabal, colocou para correr Reginaldo Gonçalves dos Santos, ” O Ceará”, 40 anos, que estava doidinho para sentir prazer intenso.
O homem traído estava armado com uma faca, e disse que nada faltava para a amada.
Já “Ceará”, justificou a saída com a mulher afirmando que a mesma havia dito que era solteira, Pois estava separada.

Descarga elétrica mata foliões no carnaval de Bom Jesus das Selva-MA

Na noite deste domingo (11/02) na cidade de Bom Jesus das Selvas a 465 km da capital São Luís, um grave acidente com a eletricidade (choque) do palco principal, onde as bandas agitavam os foliões, atingiu varias pessoas deixando até o momento dois mortos. Exitem outras pessoas sendo atendidas pelas equipes médicas.

 

TEMOS DE MUDAR O PAÍS

O Presidente Temer vai a Boa Vista  conhecer o problema dos 50 mil imigrantes venezuelanos. Mais uma herança da política bolivariana que arrasou a America Latina, inclusive o Brasil, nas últimas décadas .

Por ser o Comandante Militar da Amazônia, denunciei, em 2008, a lamentável política indigenista. Alertei sobre a falta de critério na demarcação ideológica de Raposa Serra do Sol. Economistas avisaram que a expulsão dos arrozeiros era medida social e economicamente desastrosa. Ignoraram. Favelizaram Boa Vista e empobreceram Roraima.

Hoje, a situação gerada pela ditadura de Maduro poderia ser contornada pela ampliação da cultura arrozeira e pelo consequente emprego de boa parte da mão de obra estrangeira que chegou a Roraima.

Não há mais essa alternativa. Infelizmente, vem aí mais improvisação e desordem urbana.

Em outubro, temos que mudar o País.