Nota de esclarecimento da empresa de Net-Link

O Cabo da Fibra Óptica da empresa  NET-LINK sofreu um ataque,tendo seu pontos cortados em 04 pontos diferentes por indivíduos até então desconhecidos,interrompendo  o funcionamento da internet.

A EQUIPE NET-LINK INTERNET BANDA LARGA, PEDE DESCULPA PELOS TRANSTORNOS E AVISA QUE A INTERNET ESTAR  FUNCIONANDO PROVISORIAMENTE, PELO NOSSOS LINKS DE RESERVAS E VOLTARÁ AS ATIVIDADES NORMAIS AINDA NESTE SÁBADO (3) AS 23:00HRS .

Agradecemos a compreensão a todos.

 

Assembleia Legislativa aprova fim do auxílio-moradia a deputados do Maranhão

A Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema) aprovou nesta quarta-feira (28), o Decreto Legislativo que põe fim ao auxílio-moradia concedido aos deputados estaduais maranhenses. A proposta havia sido publicada no último dia (22), no Diário Oficial da Casa.

O decreto de Nº 448 foi aprovado por unanimidade pelos deputados. O auxílio era de R$ 2.850,00 e o valor era destinado a despesas com moradia, em especial a parlamentares que tinham residência fora de São Luís. A proposta aprovada revoga as disposições do DL nº 448. “Fica revogado o Decreto Legislativo nº 448 que institui o benefício do auxílio-moradia aos deputados da Assembleia Legislativa e dispõe sobre sua concessão”, estabelece.

O projeto foi assinado pelo presidente da Casa, Othelino Neto do (PCdoB) e os membros da Mesa Diretora da Alema. Dentre eles, estão os deputados Fábio Macedo (PDT), Josimar de Maranhãozinho (PR), Adriano Sarney (PV), Levi Pontes (PCdoB), Stênio Rezende (DEM), Zé Inácio (PT) e Nina Melo (PMDB).

Plenário da Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema). (Foto: JR Lisboa/Agência AL)Plenário da Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema). (Foto: JR Lisboa/Agência AL)
G1 Maranhão

Bomba! Pedido prisões de coronel e mais oitos militares, além de dois empresários envolvidos na máfia do contrabando

Coronel da PM ativo e mais oito militares tiveram pedidos de prisão preventiva solicitados pela Secretaria de Segurança Pública.  Eles teriam participação na máfia de contrabando que foi desarticulada no dia 21 pela Polícia.

Já foram presos no primeiro momento um major, um sargento e um soldado. Hoje também foram presos o delegado Thiago Bardal, ex-chefe da Seic, e do advogado Ricardo Belo. Também foi estourado mais um depósito de mercadorias contrabandeadas, desta feita na entrada do Rio Grande, na Zona Rural de São Luís.

Abaixo os nomes dos militares  e dois empresários que tiveram pedidos de prisão, mas ainda não acatados pela Justiça:

Vargem Grande : Acidente com vítima fatal

A 3ª Cia da Pm com sede em Vargem Grande, comandada pelo 1º Ten. Rios recebeu informação que no povoado Boi Manso Zona Rural de Vargem Grande havia ocorrido um acidente com vítima fatal. Imediatamente a guarnição composta pelo próprio tenente e os PMs Souza, Carvalho e Pacheco, se deslocaram até o local mencionado e constataram a veracidade da informação. Segundo informações de populares eram aproximadamente 4 hs da manhã, quando ouviram um barulho semelhante a uma batida de veículo. Ao levantarem-se constataram tratar-se de um acidente envolvendo uma moto moto Honda CBR 250 de placa PSO 0210  São José de Ribamar, que havia colidido com um cavalo. Com a chegada da polícia, constatou-de que o condutor do veículo era Maycon José Santos Batista de 33 anos de idade, residente na av. Juazeiro do Norte Nº 3A , bairro Vila Operária, São José de Ribamar – Ma. O corpo foi removido para o necrotério do hospital municipal e a moto para o pátio da 3ª Cia em Vargem Grande.

Homem é executado na porta da própria residência em Centro do Guilherme-MA

A ocorrência foi registrada por volta das 16h30 desta sexta-feira (02), na rua do Comércio em Centro do Guilherme. De acordo com informações já confirmadas, Manoel Gomes Rocha vulgo “Neco” foi surpreendido quando se encontrava na porta de sua residência. O homem que era conhecido pelo envolvimento com o tráfico, ainda tentou se desvencilhar dos tiros correndo para o interior da residência mas ainda foi alvo de mais dois tiros disparados por homens trajando capas de chuva. A dupla fugiu em uma moto Honda Bros vermelha. A polícia agora tenta identificar os autores e os motivos que culminaram no crime.

DESBUNDE E FICÇÃO NO STF

O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu, à unanimidade, que não há limite mínimo de idade para o indivíduo mudar o sexo no registro civil, mesmo sem se submeter a cirurgia. É só querer deixar de ser ele para ser ela e vice-versa. Uma criança está autorizada a ir ao cartório e dizer que quer mudar de menina para menino.

A corte suprema, como vem sendo chamada pela imprensa, para imitar a congênere dos Estados Unidos (a diferença é grande, viu?), está se transformando em autora de ficções. Gabriel Garcia Marquez, com seu realismo fantástico, perde feio.

Para o indivíduo sofrer sanções penais e exercer atos da vida civil, o Direito exige idade mínima. Um menor de 18 anos, mesmo que esteja com 17 anos, 11 meses e 29 dias, é considerado inimputável, sendo-lhe aplicada medida socioeducativa. O direito ao voto é exercido a partir dos 16 anos. Dirigir carro só depois dos 18. Todavia, mudar de sexo não tem limite.

A pretexto de resolver questões individuais, o Supremo começa a bagunçar as estruturas da sociedade. Com esse tipo de liberalização, corre-se grande risco de o Estado perder o controle da situação, sem saber quem é quem, enfrentando dificuldades para identificar autores de crimes e facilitando os golpes na praça.

Ora, se hoje eu sou uma pessoa e amanhã passo a ser outra, como posso ser cobrado e identificado pelos atos praticados pelo dono do registro antigo? Se atualmente a lei dificulta a vida das vítimas, que ficam anos a fio sem ver seu direito reconhecido e os ofensores punidos, por filigranas processuais e outras brechas, imagine agora!

Essa tal de agenda positiva do STF é o que os velhos comunistas chamavam de manobra diversionista. Enquanto o Supremo autoriza o desbunde geral, os bandidos de alto coturno vão ganhando tempo para escapar das merecidas punições pelo assalto que fizeram aos cofres da Nação.

Só falta agora os ladrões de colarinho branco trocarem de sexo.