Com apoio do Governo do Estado, 16ª edição da Agrobalsas será aberta nesta terça-feira

Será aberta nesta terça-feira (15), na Fazenda Sol Nascente, em Balsas, a 16ª edição do Agrobalsas, evento anual que reúne produtores e empresas do agronegócio na busca por conhecimento e novas tecnologias. O governador Flávio Dino vai acompanhar a abertura do evento que é realizado pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Corredor de Exportação Norte (FAPCEN) com o apoio do Governo do Estado. O evento é considerado a maior feira do setor de agronegócio do Maranhão e tem como tema deste ano ‘Agricultura sustentável na era digital’.

“O Agrobalsas já é um evento consolidado entre os produtores locais, o evento já é conhecido nacionalmente e isso se deve também as ações do Governo do Estado, que além de ser parceiro do evento, também trabalha diariamente para o crescimento do agronegócio no estado, incentivando o crescimento dos produtores, melhorando as rotas de escoamento da produção e fazendo do agronegócio maranhense ser respeitado em outros estados e países”, destaca a superintendente da FAPCEN, Gisela Introvini.

Além de apresentar tecnologia em máquinas e implementos, um dos grandes atrativos da feira são as vitrines vivas, onde as principais culturas cultivadas na região são preparadas e apresentadas para estudantes e a comunidade em geral.

Na agenda também constam a realização de palestras voltadas para agricultura digital, um espaço para a divulgação de atividades voltadas ao turismo, cultura e esportes radicais além de painéis.

Participação Institucional

Com programas e iniciativas voltadas para pequenos, médios e grandes produtores, a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) preparou um espaço especial para receber agricultores, investidores e estudantes durante os dias de feira.

Incluindo a realização de palestras como a ‘Importância de irrigação para pequenos produtores’ e ‘Registro de agroindústria familiar de pequeno porte e artesanal’, o estande da Sagrima também ofertará oficinas como a de ‘Produção do Biofertilizante Verdão’ e ‘Tecnologia para cultivo sustentável de mandioca na Agricultura Familiar’, além de apresentar aos visitantes os resultados de programas como o Mais Produção e o Agropolos.

Também serão realizadas entrega de sementes pelo programa Mais Sementes às Unidades de Referência de Produção do Agropolo Rio Balsas e a gincana ‘Tabuleiro Agrotóxicos’, que incentiva o descarte adequado de embalagens de agrotóxicos.

Outros órgãos do Governo do Estado também estarão presentes no evento, como a Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur) com ações para fortalecimento do turismo na região e o Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA) com ações para conscientização sobre a segurança no trânsito.

“O Governo do Estado tem apoiado eventos importantes para o desenvolvimento do Maranhão. A participação em eventos deste porte favorece o trabalho de conscientização da população sobre a segurança no trânsito”, declarou a diretora geral do Detran-MA, Larissa Abdalla Britto.

Corpo de Epitácio Cafeteira é velado na Assembleia Legislativa em São Luís

Corpo do ex-político maranhense chegou a São Luís por volta das 16h. O sepultamento será realizado na manhã desta terça-feira (15) no Cemitério do Gavião, na capital.

Golpe do falso sequestro é aplicado em secretária adjunta de saúde

Resultado de imagem para foto de ilustração de arma

SÃO LUÍS – A secretária adjunta de Assuntos Jurídicos da Secretária de Saúde do Estado, Lídia Cunha, sofreu na manhã desta segunda-feira (14), em São Luís, uma tentativa do golpe do falso sequestro. Ela recebeu uma ligação de bandidos que informaram estar com sua irmã, a informação foi desmentida com o aparecimento da suposta sequestrada no momento que Lídia iria depositar o valor solicitado pelos bandidos.

Do outro lado da linha, um bandido em prantos, fingia-se passar pela irmã da vítima. Um segundo bandido exigia o valor de três mil reais pelo resgate da irmã da secretária.

Lídia então dirigiu-se até o banco para depositar o valor pedido pelos bandidos. Ao chegar na instituição, a irmã de Lídia (suposta vítima de sequestro) apareceu e impediu que ela efetuasse a transação.

Imirante.com

Centenas de pessoas prestaram tributo a Bob Marley na Praça Reggae

 

 

 

 

 

 

 

 

Em comemoração ao Dia Nacional do Reggae, 11 de maio, o Museu do Reggae realizou, na noite desta quinta-feira (10), tributo ao 37º aniversário de morte de Bob Marley. O cantor e compositor jamaicano, considerado o rei do reggae, teve suas canções ouvidas, sentidas e dançadas por centenas de pessoas. O museu é uma casa de cultura ligada a Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur), que foi instituída pelo governador Flávio Dino.

A Praça do Reggae, localizada ao lado do Museu, na Praia Grande, no Centro Histórico de São Luís, onde a festa foi realizada, recebeu uma explosão de atrações, reunindo mais de 50 apresentações.

No palco, a presença da cantora Célia Sampaio, George Gomes, José Rodrigues, banda Barba Branca, Grupo de Dança Afro Malungos (GDAM) e o grupo de dança Saint Louis. Presentes, também, a FM Natty Nayfson e apresentação de 25 dos principais Djs da cena reggae de São Luís.

O diretor do Museu do Reggae, Ademar Danilo, disse que o tributo a Bob Marley é uma homenagem merecida, que sua música tornou o reggae conhecido no mundo e, hoje, o ritmo faz parte da cultura maranhense.

“Nós sabemos que o reggae não é uma música qualquer. É um gênero musical que defende a paz e o amor, combate o racismo, discriminação e preconceito. O tributo a Bob Marley é muito representativo para a cultura reggae do Maranhão, pois adotamos esse ritmo como nosso, e hoje faz parte da nossa história”, afirmou Ademar Danilo.

O cantor José Rodrigues disse que foi uma honra participar do evento, principalmente por homenagear Bob Marley, cantor que possuiu em suas letras mensagens positivas e contra opressão.

“Eu, que faço parte do movimento reggae, me sinto muito privilegiado em poder ter participado do tributo a Bob Marley aqui na Praça do Reggae. A canção que escolhi para homenagear o rei foi Redemption Song, criada pelo cantor em 1979 quando ele já estava doente, e pouco tempo depois nos deixou”, disse o cantor José Rodrigues.

Mariana de Lins, estudante universitária, que estava prestigiando o show, disse que o evento é uma forma de valorizar os artistas maranhenses que contribuem para o reggae no Maranhão, além de ser uma oportunidade para aproveitar a noite ao som do melhor ritmo.

“Já acompanho o trabalho de alguns artistas que se apresentaram; esse evento está mostrando o que o Maranhão tem de melhor. A música, a arte, as boas energias contribuíram para que a noite fosse perfeita. Minhas amigas e eu aproveitamos muito, dançamos e homenageamos Bob Marley de um jeito digno de um rei”, disse a estudante.

Durante o tributo houve a presença da cadeia produtiva do reggae, com toda a moda reggae, envolvendo os fabricantes de acessórios, do artesanato, das roupas e as trancistas (mulheres que fazem a cabeça do público do reggae com a produção de tranças).

Rei do Reggae

Robert Nesta Marley, conhecido como Bob Marley, nascido em Sant Ann, na Jamaica, em 6 de fevereiro de 1945, foi um cantor, compositor e guitarrista jamaicano, responsável por tornar o reggae um ritmo conhecido mundialmente. Foi também um dos maiores representantes do movimento religioso Rastafári.

A música de Bob Marley foi importante para a aceitação do Reggae no mundo, o que tornou o ritmo um dos mais populares. Marley é considerado um mito, pois disseminou suas ideias através da música

METRALHADORA É FURTADA DE DENTRO DA DELEGACIA DE PIRAPEMAS

A Delegacia de Polícia de Pirapemas foi alvo de assaltantes na madrugada deste domingo (13). De acordo com informações colhidas pelo Pirapemas.com, entre os objetos levados da DEPOL, estão: uma metralhadora e uma caixa com dinheiro, arrecado em taxas de licenciamento. No momento da ação criminosa, não tinha nenhum policial no prédio. Outra informação que chegou ao site, é que autoridades policiais do município já haviam sido alertado sobre a permanência da arma no local sem nenhuma segurança.
Neste momento, o delegado regional de Itapecuru, Samuel Morita está no município com uma equipe de investigadores tentando identificar os assaltantes.  O delegado Valter Costa dos Santos é atual titular da delegacia local.

Corpo de adolescente que morreu afogado durante pescaria é encontrado na praia de Mangue Seco; outro continua desaparecido

O corpo de um dos dois adolescentes que morreram afogados durante uma pescaria, na praia de Mangue Seco, na Raposa, foi encontrado nas primeiras horas da manhã deste domingo (13). A vítima foi identificada por Lucas Freire Veras Barbosa, de 15 anos.
O resgate do corpo foi feito por volta das 9h pelo rabecão do Instituto Médico Legal(IML).
O outro adolescente identificado por Felipe da Silva Conceição, de 17 anos, permanece desaparecido.
As buscas são coordenadas pelo capitão Aquiles, do Corpo de Bombeiros. Os trabalhos prosseguem até que o corpo do outro menor seja encontrado.
Entenda a tragédia
O pescador José Ribamar Sousa, de 45 anos, morreu afogado após ter ficado à deriva na tarde de sexta-feira (11) na praia do Mangue Seco, no município de Raposa na Região Metropolitana de São Luís. De acordo com o Corpo de Bombeiros, os adolescentes Lucas Freire Veras Barbosa, 15, e Felipe da Silva Conceição, de 17 anos, que também estavam com o pescador estão desaparecidos.
Segundo o Corpo de Bombeiros, o grupo composto por seis pessoas estava pescando quando a maré teria subido rapidamente e arrastado as vítimas para o fundo do mar.
João Carlos da Silva Conceição, de 17 anos, Denilson Oliveira Ribeiro, 16, e Carlos Antônio da Conceição, 40, conseguiram se salvar e foram resgatados. Em seguida eles foram encaminhados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Araçagi onde receberam cuidados médicos.