MARANHÃO: SAIU DA PRISÃO A TARDE A NOITE JÁ FOI PRESO NOVAMENTE POR FURTO

O 4° Batalhão de Polícia Militar através da equipe de Força Tática em Balsas, recebeu uma informação via 190, que uma empresa de jóias da cidade tinha sido furtada. Ao avistar os seguranças ele correu levando consigo várias jóias.
A PM entrou em ação e após buscas localizou Francisco Marques da Silva Mota, vulgo Balotelli,19 anos, no bairro Cajueiro com todos os materiais furtados da loja. O mesmo foi entregue na Delegacia de Policia Civil, junto com o material apreendido.
Balotelli apesar de só ter 19 anos é um velho conhecido da Polícia e havia sido posto em liberdade na tarde de ontem e a noite já estava furtando novamente.

POLÍCIA APREENDE 300 KG DE MACONHA PRENSADA VINDA DE BURITUCUPU E INTERCEPTADA EM MIRANDA DO NORTE

Em continuidade às ações de repressão ao narcotráfico no interior do estado, a SENARC realizou, na madrugada desta segunda-feira (02), uma apreensão de aproximadamente 300kg (trezentos quilos) de Maconha, nas proximidades da cidade de Miranda do Norte/MA, às margens da Rodovia BR 135.
Na oportunidade, os investigadores flagraram a transação do entorpecente entre os suspeitos Raimundo Nonato Marques, Hamilton da Cruz Alameida e Iranildo Dias Pereira. As investigações dão conta que o suspeito Hamilton, juntamente com Iranildo estavam transportando a droga da cidade de Buriticupu para ser comercializada com o suspeito Raimundo Nonato, residente na cidade de Itapecuru-Mirim. Destaca-se ainda que Raimundo Nonato e Iranildo Dias já possuem condenações pelo crimes de tráfico de drogas.
Todos os conduzidos foram autuados pelo crime de tráfico de drogas e associação ao tráfico, previstos nos artigos 33,caput e 35, caput, ambos da Lei 11.343/06, em seguida, foram encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas onde ficarão à disposição da Justiça.

Doentes crônicos são presos por suspeita de praticar assaltos em Codó

PAI E MÃE SÃO PRESOS SUSPEITOS DE ENVOLVIMENTO NA MORTE DA PRÓPRIA FILHA RECÉM-NASCIDA, EM DOM PEDRO-MA

Um bebê recém-nascida, de nome Heloísa, foi morta por espancamento na cidade de Dom Pedro, a 320 km de São Luís, na noite de segunda-feira (2). O ato bárbaro teria sido praticado pelo próprio pai, um menor de iniciais G.O, de 17 anos. A mãe é suspeita de ter sido conivente com a monstruosidade.

Pelos relatos de vizinhos, o pai chegou drogado em casa e pediu à mãe para colocar a criança para dormir. “Instantes depois, por volta de 20h30, ele passou na rua levando a bebê no hospital Geral de Dom Pedro, onde a criança veio a óbito. De cara, os médicos perceberam que a bebê havia sido espancada”, diz um morador da rua onde ocorreu a tragédia.

A princípio, o pai alegou que a bebê era doente e por isso ficava roxa. Depois disse que a pequena Heloísa tinha se engasgado, que deu água e ela ficou sem ar, tendo que sacudi-la. Indagado pelo médico de plantão sobre o porquê de a bebê estar roxa, mais uma vez, o pai assassino mudou de versão, alegando que ela tinha caído da cama há uma semana e que só agora eles decidiram buscar por socorro.

Em seguida, a mãe, identificado como Nathália, chegou ao hospital confirmando a versão do Pai. De imediato, a polícia foi chamada e os dois foram presos em flagrante por suspeita de homicídio.

Exames comprovaram também que a bebê estava com as duas pernas e a clavícula quebradas, hematoma na orelha, na cabeça e por todo o corpo.

Neste momento, o corpo da criança está em uma sala reservada aguardando pelo I.M.L de Caxias que irá realizar exames mais precisos para determinar as causas da morte da pequena Heloísa.

Fonte: Gilberto Lima

Existe democracia de fato no País?

GENERAL AUGUSTO HELENO

Antes de mais nada: sou contra intervenção militar. No entanto, corruptos e boa parte da imprensa “livre” tecem, diariamente, loas à democracia. Parece deboche.

Cabe perguntar: existe democracia de fato no País?

Quem garante que as eleições, ocorridas com o PT no poder, foram lícitas e transparentes, quando se sabe que um fantástico volume de dinheiro, desviado dos cofres públicos, foi aplicado, por todo o bloco governista, disfarçado de programas sociais, em descarada compra de votos?

É democrático que o julgamento de inúmeros políticos, comprovadamente desonestos, se arraste por décadas, até que seus crimes prescrevam?

É democrático que alguns ministros do STF anulem decisões do próprio plenário da corte e libertem, contra todas as evidências, condenados a mais de dez anos de prisão?

É democrático que a Suprema Corte mantenha o país, já à beira do abismo pela incompetência do executivo, em permanente insegurança jurídica, contribuindo para desmoralizar as instituições?

É democrático que advogados, regiamente pagos por bandidos, se valham de um sistema arcaico e protelatório para impetrar recursos, indefinidamente, sobre o mesmo assunto, até que um julgamento atenda o desejo de seus clientes?

Depois, esses mesmos “democratas” fingem se surpreender quando a maioria pede “intervenção militar”.

Brasil acima de tudo!