De volta o tradicional tambor do Chiquito

 

Por muito tempo o Sr. Chiquito Costa presenteou a nossa região com o seu tradicional TAMBOR DO CHIQUITO. Ali no povoado São Domingos de sua propriedade, as pessoas se encontravam num clima de confraternização e respeito, para brincar com os seguidores e adeptos do tambor de crioula. Negros, brancos, cafuzos, não importava a cor da pele, o importante, era estar presente, e ser feliz com todos os participantes, na alegria de dançar e preservar a cultura popular. De toda parte afluíam pessoas, todos contentes em participar dessa festa. Com a partida do Sr. Chiquito, o tambor foi deixado de lado por algum tempo. mas agora, os familiares do saudoso tambozeiro Chiquito Costa, estarão retornando com essa atividade cultural e estão convidando a todos para se fazerem presentes no São Domingos do Chiquito dia 06 deste mês,para reativarem o conhecidissimo Tambor do Chiquito. A partir das 5 horas da tarde do dia 6 a festa começa e não tem hora para acabar. Estamos esperando vocês lá.

Colisão frontal entre motos causa morte na BR-135, no Maranhão

Três vítimas não foram identificadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), que fez o registro próximo a Vila Fé em Deus no município de Santa Rita, a 78 km de São Luís.


Por G1 MA, São Luís

Acidente entre motos causa uma morte na BR-135 (Foto: Divulgação/PRF)

Acidente entre motos causa uma morte na BR-135 (Foto: Divulgação/PRF)

Um acidente frontal envolvendo duas motos causou uma morte e deixou duas pessoas feridas na manhã deste domingo (2), no Km 73,2 da BR-135.

As vítimas não foram identificadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), que fez o registro próximo a Vila Fé em Deus no município de Santa Rita, a 78 km de São Luís.

Ainda segundo a PRF, as três vítimas foram levadas para o Hospital de Santa Rita. Entretanto, um rapaz, morador da cidade, teve a perna quase amputada pelo impacto da colisão. Ele não resistiu a gravidade do ferimento e morreu.

Colisão entre motos ocorreu próximo a Vila Fé em Deus no município de Santa Rita, a 78 km de São Luís. (Foto: Divulgação/PRF)Colisão entre motos ocorreu próximo a Vila Fé em Deus no município de Santa Rita, a 78 km de São Luís. (Foto: Divulgação/PRF)

Colisão entre motos ocorreu próximo a Vila Fé em Deus no município de Santa Rita, a 78 km de São Luís. (Foto: Divulgação/PRF)

PM que trabalha em Coroatá é baleado durante tentativa de assalto em Teresina

Francisco Nonato Vieira dos Santos, de 33 anos, é da Força Tática do município de Coroatá.


HUT – Hospital de Urgência de Teresina (Foto: Reprodução)

Um cabo da Polícia Militar do Maranhão foi baleado durante uma tentativa de assalto, na noite deste sábado, (2) na porta da sua residência no Parque Itararé, zona Sudeste de Teresina.

Francisco Nonato Vieira dos Santos, de 33 anos, é da Força Tática do município de Coroatá.

De acordo com informações o cabo foi levado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), deu entrada por volta das 20h, passou por cirurgia no abdómen, onde foi baleado. O quadro dele é considerado estável.

De acordo com informações da polícia militar do Piauí, um grupo de homens divididos em dois automóveis e uma motocicleta participaram da ação.

A vítima estava na porta de casa quando foi abordada pelos criminosos. O policial teria reagido ao assalto e atirado contra um dos suspeitos, identificado como Gerônimo Alemida. Os outros criminosos fugiram logo após os tiros.

O suspeito atingido durante a troca de tiros não resistiu ao ferimento e morreu no local.

ELEIÇÕES 2018 – Roseana critica fim de programas e aumento de impostos

Chapadinha – Ao discursar para milhares de pessoas que a receberam em carreata e depois participaram de um grande comício em Chapadinha, a candidata governadora Roseana Sarney criticou a perseguição do atual governo aos maranhenses mais necessitados e trabalhadores. Ela classificou de crueldade o fim dos programas sociais, o confisco de motos e carros e o aumento abusivo de impostos no Maranhão.

“Quando ele persegue aos políticos contrários ao seu governo, na verdade está perseguindo o povo. Fico indignada dele tirar dos maranhenses os programas sociais, abandonar os projetos que deixei. Isso é uma crueldade. Peço o seu voto porque no meu governo sempre olhei com carinho para os mais carentes. Vou trazer de volta o Viva Luz, o Viva Água e o Leite é Vida, e ampliá-los”, afirmou Roseana, sob aplausos da multidão que a ouvia.

O mesmo sentimento foi compartilhado nos discursos do candidato ao Senado, Edison Lobão; da ex-prefeita de Chapadinha e candidata a deputada estadual, Dulcilene Belezinha, e dos também candidatos Hildo Rocha, Luís Leite, Chico do Foto, Aloisio Santos e o ex-senador Chiquinho Escórcio.

Antes de se deslocarem até o palanque do comício, ex-governadora do Maranhão e comitiva participaram de uma megacarreata de cerca de 10 quilômetros, com várias caravanas vindas de toda a Região do Baixo Parnaíba. Percorreram quase uma hora de percurso pelas ruas do município de Chapadinha, e por onde passavam moradores acenavam e gritavam “volta Roseana”.

“Roseana foi quem começou a construir o Hospital Regional de Chapadinha, o Centro de Hemodiálise, a asfaltar as ruas, a construir estradas. A nossa próxima governadora sempre fez pelos municípios maranhenses, mesmo por quem lhe fez oposição. Mas esse governador não sabe governar, só sabe perseguir. Roseana aqui terá a maioria dos votos dos chapadinhenses”, afirmou a ex-prefeita Belezinha. Fonte Blog do Acélio

Escola de barro e palha de coco expõe nível da Educação no município de Afonso Cunha

Uma fonte do município de Afonso Cunha nos enviou na noite de ontem, 2, fotos mostrando a situação de uma escola que fica localizada no povoado TOMAIZÃO, zona rural.

Escola no município de Afonso Cunha

Os registros mostram alunos  à noite  debaixo de uma casebre com paredes de barro e cobertura de palha. No lugar da janela, apenas um buraco com talos de babaçu expostos amarrados por cipó.

Há informação de que em 2013 a construção de uma escola de alvenaria foi iniciada, mas até hoje nunca foi concluída em TOMAIZÃO. 

“Situação da escola de lá. Sendo que têm um prédio já iniciado. Conto com você Pra dar dignidade a esse povo sofrido.  Começou (a escola nova) a ser construída em 2013”, explicou o denunciante

O referido povoado fica a 25 minutos da sede do município de Afonso Cunha, indo de moto. A escola funciona nos três turnos com alunos do Ensino Fundamental e do Educação de Jovens e Adultos à noite.

Homem de 26 anos é preso por ‘casar” com menina de doze anos no MARANHÃO

A Polícia Civil de Barra do Corda, prendeu na manhã da última quinta-feira (30), Roberto Martins Silva, de 26 anos, acusado de estupro de vulnerável, crime previsto no artigo 217-A do Código Penal Brasileiro (CPB).
Roberto Silva foi flagrado pelos investigadores da polícia vivendo naturalmente com a adolescente A.J.R.S, de apenas 13 anos de idade. Ambos já estavam vivendo juntos há quase dois anos, quando a menor tinha apenas 12 anos de idade.
O acusado foi preso em flagrante e e autuado em flagrante. Deve permanecer preso à disposição da Justiça. A prisão foi mais um trabalho da Polícia Civil, no combate a exploração sexual e pedofilia na região Central do Maranhão.
(Polícia Civil)

Drogado mata o próprio irmão por ter negado 5 reais para comprar a droga

Uma briga entre dois irmãos terminou em morte em Tarauacá, no interior no Acre, na noite desta sexta-feira (1). Raimundo Nonato Silva, de 30 anos, foi preso em flagrante ao confessar que matou o irmão, Marcos Castro, 23, durante uma briga por R$ 5.
A vítima foi esfaqueada no peito esquerdo e não resistiu. À polícia, Silva contou que o irmão queria R$ 5 para comprar droga e, como ele se negou a dar o dinheiro, a vítima partiu para cima dele e começou a batê-lo com um pedaço de pau. Castro estava ainda, segundo o irmão, armado com uma faca.
Peito esquerdo
Durante a briga, o jovem deixou a faca cair e o irmão tomou pegou a arma para esfaqueá-lo no peito esquerdo. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionado, mas o jovem já estava morto.
O suspeito fugiu e foi preso logo em seguida no mercado municipal da cidade. A mãe dos dois contou à polícia que soube da morte do filho, porque mulheres chegaram em sua casa avisando o que tinha acontecido.
Na delegacia, Silva mostrou marcas e hematomas, que comprovaram as agressões da vítima. A Polícia Civil deve investigar o caso a partir de agora.

Ratos magros e gordos

JOSÉ MAURÍCIO DE BARCELLOS

Guardo um antigo hábito: fundamentar os argumentos em fatos inequívocos. A transparência e a lógica que daí decorrem ajudam a explicitação do fenômeno e afastam a dúvida. Nesta linha de proceder trago o fato que se segue. Há mais de vinte e cinco anos que, indo à São Paulo a serviço, fico hospedado em um mesmo hotel no centro da cidade, situado nas proximidades da Praça da República. Aliás ainda hoje o faço e, de preferência, fico no mesmo andar e no mesmo apartamento. Coisas de um incorrigível conservador.

Aquele hotel de excelentes acomodações e bem recomendado sempre se revelou como o escolhido, no geral, por hóspedes de bom nível e de bom berço, quer residentes temporários ou turistas quer profissionais da classe média, média-média ou até da classe média mais alta. Podia se respirar isso nas horas comuns do café da manhã e do jantar à noite, que renovava o prazer do reencontro entre os hóspedes mais assíduos. Dava gosto de ver pessoas educadas à mesa, boas de conversa, doces no trato e gentis no gesto.

Agora não se vê mais nada disso. Os que viveram aqueles tempos se entristecem ao perceber que tudo deteriorou e se perdeu a tal ponto que, quem viu não reconhece e quem nunca viu nem acredita. O hotel é o mesmo, as acomodações até foram reformadas ou modernizadas, mas a frequência nos últimos quinze anos ficou mais se parecendo com a de uma estalagem de beira de cais do que a de um hotel de categoria. Entretanto, devo assinalar que de um par de anos para esta parte – com o ocaso do PT – a frequência tem melhorado significativamente.

Em relação à época ruim, lembro que dos então novos hóspedes, muitos se apresentavam com os corpos cobertos de “decalques” de mau gosto, trajando, invariavelmente, surradas camisetas vermelhas com vulgares dizeres e emblemas, bermudas, “chinelas de dedo”, boné virado para trás e se portavam tão mal quanto se exibiam, avançando sobre o “buffet” da manhã como um bando de trogloditas esfaimados, falando aos gritos, cuspindo em tudo e ao cabo de se refastelarem, como uma ninhada de ratos magros, carregavam nos bolsos, nas bolsas e nas mochilas tudo quanto podiam levar para o apartamento. Deus do céu!

A par disto riam e escarneciam dos hábitos dos antigos hóspedes a quem acintosamente cercavam em suas mesas ou em seus costumeiros lugares forçando-os a se deslocarem para outro canto. De nada adiantava fazer queixa à gerência que se desculpando, com tristeza, revelava-se impotente para corrigir os excessos, implorando que tivéssemos paciência e também que nos consolássemos com a situação vexatória para os velhos empregados que estavam sendo pisados e humilhados de muitas formas.

Não quis deixar por menos e como é do meu feitio procurei saber as razões para todo este desastre. Tanto fiz que acabei conhecendo. Logo depois de uns dois anos do primeiro governo de Lula esses hotéis – principalmente do Centro de São Paulo e de outras Capitais do País – passaram a ser requisitados a peso de ouro pelas hordas do PT, dos Sindicatos e de suas Centrais e pelos chamados “Movimentos Sociais” que surgiam aos borbotões. Eram convenções, convescotes, assembleias que não acabavam mais. Soube igualmente que não raro as contas daquelas turmas, que incluíam gastos irrestritos com bebidas e outras ”cositas más”, eram pagas por diversos órgãos públicos, a partir de notas fiscais relativas a eventos fictícios. Por causa daqueles tempos relativos a um “petismo avassalador”, até o simples dia a dia do homem de bem resultava num verdadeiro tormento.

Trago esse fato à colação para demonstrar o grau de dano ou de prejuízo que a era petista causou ao País. Não foram somente os 900 bilhões de reais roubados do Tesouro da União que passaram a ser do domínio público em face da Operação Lava Jato. Por outros ralos – muitos e muitos outros – igualmente escoaram os dinheiros desta Nação, surrupiados pelas quadrilhas de Lula e Dilma.

O custeio daqueles bugres que passaram a invadir espaços que jamais teriam alcançado por meios e méritos próprios, juntamente com os milhões e milhões gastos com o aparelhamento da máquina governamental no executivo, no legislativo e no judiciário nos 3 níveis da Federação – e que até os dias de hoje ainda continua ocorrendo – certamente que representam outros tantos 900 bilhões de reais e quem sabe muito mais.

Tenho repetido, incansavelmente, que a forma de se estancar toda aquela malversação de dinheiro público e muitas outras que nem conhecemos profundamente, ou seja, a única maneira de extirpar este carcinoma que “metastesiou” todo nosso tecido social está jungida a uma única solução. É necessário destruir o PT, seus partidos coligados e a esquerda delinquente que o apoia e blinda.

A medida certa e mais eficaz seria a Intervenção das Forças Armadas com base no pedido direto do povo rebelado nas ruas como autoriza, expressamente, a Constituição Federal. Outra solução surge agora com as eleições gerais de outubro deste ano se o resultado consagrar a mais do que consabida revolta da nossa Sociedade contra as quadrilhas de Sarney a Temer, que levaram o Brasil ao caos moral, social e econômico e o humilharam perante a Comunidade das Nações livres.

Tenho recebido, através da rede mundial de computadores, fotos e mais fotos, filmes e mais filmes vindos do Brasil inteiro demonstrando que o bom cidadão está se mobilizando em massa, como nunca se viu, para apoiar um candidato que, para o desespero dos poderosos e da “Rede Goebells de Comunicação”, dissente de todos os demais num requisito básico: nunca esteve ele, direta ou indiretamente, ligado a toda essa corja que tomou o Brasil de assalto nos últimos 30 anos.

Se antes nesta Terra de Santa Cruz padecemos com a invasão dos ratos magros que, na esteira de Lula e Dilma, vieram sangrá-la, hoje o perigo que corremos é bem maior porque enormes e cevadas ratazanas da mesmice e do continuísmo estão dispostas a tudo para manter suas tocas, onde podem procriar a vontade, intocadas.

Contudo tenho esperança e, com os ventos fortes que chegam dos quatro cantos do País, já ouço os sinais de um novo tempo ante a possibilidade da eleição de um candidato execrado pelo sistema vigente. Realmente, diante da visível ira da classe política abjeta e desprezível; pelo que percebo do ódio na expressão facial dos engomados calhordas e das calhordas cativos da grande mídia; em face do que vejo da movimentação covarde e sorrateira dos intelectuais da impostura e diante do pavor que demonstram os psicóticos da esquerda doente e irracional, todos os citados roedores estão sentindo que sua hora de serem apeados do poder e de serem varridos para o lixo da história se aproxima inexoravelmente. O povo já decidiu em quem votar e, podem crer, num só turno das eleições vindouras vão decidir esta parada. Como diria o velho Ibrahim Sued; “Sorry, periferia”.