Prefeito de Anajatuba coage PM a parar com blitz na cidade

fonte: bog do Gilberto Léda

O prefeito de Anajatuba, Sidney Pereira (PCdoB), foi flagrado em áudio e vídeo coagindo um policial militar da cidade a parar com as blitzen de fiscalização de veículos.

Segundo o comunista, o problema é a proximidade das eleições, o que poderia gerar prejuízos políticos – a tese é basicamente a mesma que fez, segundo a oposição, o governador Flávio Dino (PCdoB) parar a apreensão de motos e carros em todo o estado.

“Não me faça mais um negócio desses numa época dessa. Nós estamos a uma semana de uma eleição”, reclamou.

O PM, identificado como Sargento Roberto, reagiu.

“Não tem tempo para eu fazer esse tipo de serviço. Eu posso fazer até no dia da eleição. Eu não aceito o senhor, como prefeito da cidade, querer me determinar”, declarou o militar.

Sidney Pereira, então, faz uma ameaça velada.

“Faz o teu serviço da forma como você tá achando pra ver se você consegue andar em Anajatuba”, afirmou.

“Eu posso fazer uma representação. O senhor está me ameaçando. Eu sou um policial militar. Eu ando de peito aberto em Anajatuba”, retrucou.

“Eu vou terminar meu serviço aqui e eu vou andar na rua e eu quero ver quem é o macho [ininteligível]. Eu ando armado”, completou.

veja o vídeo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *