Guedes evita achaque parlamentar


Paulo Guedes pode evitar o achaque do Congresso Nacional desistindo do projeto de lei da cessão onerosa.

“Para o TCU e para parte dos integrantes da equipe de transição”, diz a Folha de S. Paulo, “a execução do leilão depende apenas da revisão do contrato entre Petrobras e União. Ou seja: é uma relação privada entre partes e, portanto, não há necessidade de trâmite legislativo.

Por isso, a equipe de Guedes aguarda apenas a publicação do acórdão do tribunal para realizar o megaleilão até julho.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *