Após praticarem assalto em Nina Rodrigues, jovens são presos em Vargem Grande

 No fim da tarde deste domingo (06), dois assaltantes identificados como; Daniel Vieira dos Reis e Paulo Víctor Santos Moreira, ambos moradores de Vargem Grande, abordaram uma jovem, tomando de assalto seu aparelho celular. A vítima estava na porta de sua residência, no centro de Nina Rodrigues.

Após o crime, os bandidos fugiram em direção a  Vargem Grande. Os dois estavam em uma moto Pop vermelha.

Felizmente,os dois indivíduos foram presos, nas proximidades do Sítio do “Paizoca”,  e em seguida conduzidos para a Delegacia de Vargem Grande .

 

Bíblia fica intacta após caminhão ser destruído em ataque no Ceará

Um ataque criminoso a um caminhão da Enel, em Fortaleza (CE), chamou atenção por deixar uma bíblia intacta dentro do veículo, apesar das chamas. As informações são do Tribuna do Ceará.

O caso, que foi registrado por Dorian Girão, repórter cinematográfico da TV Jangadeiro/SBT, aconteceu na última sexta-feira (04/01), na Via Expressa, próximo à Avenida Abolição, em Fortaleza.

De acordo com testemunhas, o caminhão da empresa foi abordado por bandidos. Eles atearam fogo no veículo, que ficou destruído. Após o Corpo de Bombeiros apagar as chamas, os funcionários terceirizados da empresa voltaram ao caminhão em busca de ‘salvar’ algum objeto.

“Um deles deixou a carteira, com R$ 300, que foi totalmente destruída, junto aos pertences. A única coisa que ficou intacta foi a bíblia de um dos funcionários. Todo mundo ficou surpreso“, relata Dorian Girão

Vargem Grande Terra de Ninguém Parte III

Resultado de imagem para imagem de vargem grande ma

Quando é tempo de eleição, políticos candidatos a cargos executivos, alardeiam aos quatro cantos que no seu governo, são prioridades saúde, segurança e educação. Isto todos dizem. Isso todos nós conhecemos.

Nos comícios do atual ocupante do Palácio Hildenora Gusmão, tanto ele, como seus aliados afirmavam que a educação e a saúde seriam suas prioridades.

Iniciamos o terceiro ano da atual gestão e o que vemos são através de fontes oficiosas que o atual gestor vai fechar uma dezena de escolas, e mais recentemente, soubemos através das mesmas fontes, que médicos que serviam pelo município ao Laboratório Santa Maria Bertilla foram demitidos. Melhor ainda, o ginecologista e o cardiologista, acompanhados de suas respectivas auxiliares que eram servidoras contratadas do município.

Sabe-se de tudo de modo oficioso, mas nenhum pronunciamento oficial. Não se fazem mais audiências públicas como antigamente, para se dar satisfações públicas de suas ações. E aí eu me lembro de uma frase do filósofo brasileiro Mario Sérgio Cortella que afirma:” Todo poder que em vez de servir, serve a si mesmo,é um poder que não serve.

Não custa nada usar do direito de comunicação através de suas secretarias e informar a população os porquês dessas atitudes tomadas. É o povo quem vota, e é a ele que se deve prestar contas.

Não é nosso interesse denegrir ou macular a imagem de ninguém, mas temos a obrigação de saber por que tais atos estão acontecendo em nosso meio sem nenhuma explicação plausível. E o povo como sempre,estático e boquiaberto mas devido sua cultura de subserviência, mantem-se calado.

Claro, sabemos que alguns beneficiados na esfera municipal, vão levantar seus questionamentos em defesa de seus patrões, e aí, cabe a afirmativa, como lembra Shakespeare, em o Mercador de Vezena ” O diabo pode usar as escrituras quando lhe convém”.

Policiais são investigados em caso de assassinato de jovens no Maranhão, diz secretário

O Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, afirma que pelo menos dois policias possuem ligação com a vigilância da empresa.
Polícia inicia depoimentos de suspeitos envolvidos de em triplo homicídio em São Luís
De acordo com o Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, a Superintendência de Homicídios e Proteção a Pessoa (SHPP) investiga pelo menos dois policiais que teriam relações diretas com a vigilância de uma área de construção de casas do ‘Minha Casa, Minha Vida’, no bairro Coquilho, na zona rural de São Luís, onde o corpo dos três jovens foram encontrados na tarde de sexta-feira (04) com marcas de execucação a bala.
O Secretário, Jefferson Portela, afirma que todas as pessoas que estavam nas proximidades do local tiveram os nomes colhidos e estão sendo ouvidas na Delegacia de Homicídios.
“Foi um crime bárbaro pelo modo vil como foi praticado contra os adolescentes. Nós já temos nomes de todos que estavam próximos ao local dos fatos e essas circunstâncias serão todas apontadas pelo inquérito policial em curso na Superintendência de Homicídios. Hoje tivemos mais dois nomes colhidos aqui no local que são de policiais em ligação com os vigilantes da empresa, agora resta definir o ato da execução dos homicídios contra os adolescentes. Ontem foram ouvidos muitas pessoas e outras estão sendo ouvidas agora na Delegacia de Homicídios, de modo que nas próximas horas nós possamos apontar a autoria do crime”, explicou.
De acordo com o resultado das primeiras investigações, pelo menos dois policias possuem ligação com os vigilantes da empresa.
“Dois policiais têm ligações diretas com os serviços de vigilância, ou seja, possuem envolvimento com os vigilantes. Se isso importa na participação do crime só será definido no curso do inquérito policial. Há ligação dos policiais com eles e a presença de um policial no dia do fato, é algo comprovado e que precisa ser configurado dentro do inquérito policial para definir se ele tem participação nas mortes. Eu acredito que em horas nós vamos identificar essa autoria e a questão de prisão passa ser agora algo de provimento judicial”
O Secretário de Segurança afirma também que, o aparelho celular que foi encontrado no local do crime será investigado pelo Instituto de Criminalística e Medicina Legal (Icrim) e terá os dados e códigos analisados para descobrir se é pertencente a algum dos executores.
“A motivação do crime será coletado através do interrogatório deles. Ninguém foi ouvido porque só estava no local os executores e as vítimas. A primeira suspeita é de vigilantes plantonistas, isso é um dado inicial para a oitiva de quem estava de plantão. Não significa dizer que os plantonistas são os executores, pode ser e pode não ser porque alguém pode ter vindo e praticado o ato no plantão de terceiras pessoas. Para ter cuidado de não praticar injustiças, nós vamos com essa análise criteriosa das provas coletadas nos atos de inquérito policial, apontar a autoria e eu tenho certeza que será feito no menor espaço de tempo possível”, finalizou o Secretário Jeferson Portela.

Falando em grego

MIGUEL GUSTAVO TORRES

O juramento de Hipócrates garantiu uma prática humana da medicina e o vosso juramento de servir à pátria e aos seus interesses permanentes é a virtude divina que carregais em vossos corações. Os ímpios e corruptos sempre conseguiram se infiltrar nas hostes do bem para fazer o mal e destruir.

O novo chanceler do Brasil, o culto e erudito Ernesto Araújo, fala em alinhamento direto da diplomacia do Brasil com o seu povo. Não sabemos que povo é esse. Será que é o povo de Deus que atravessou o deserto por 40 anos sob o comando político de Moisés, que dominou todas suas rebeliões e fez o filho sacerdote, para não ser derrubado pelas conspirações do sumo sacerdote, que só pensava em ganhar carneiros e acumular ouro? Ou será o povo brasileiro que vive, ao lado da Índia, nas maiores favelas urbanas do planeta terra?

A Rocinha, lembro, pediu saneamento básico aos governantes do Rio e recebeu uma olimpíada para se divertir. Mas os chefes de templos cariocas repartiram os lucros com suas bancadas políticas. A Índia é a campeã universal dos favelados. Nós temos o segundo lugar, a medalha de Prata.

A diferença é que a Índia já é uma potência industrial, militar, cientifica e tecnológica pujante, e nós fomos enquadrados pelas potencias mundiais a permanecer na agricultura, e dela não sair.

Portanto, as previsões feitas pela ESG na década de setenta do século passado, de que seríamos uma Belíndia no final do século XX, não se concretizaram. Não chegamos a ser nem uma Bélgica e muito menos uma potência nuclear e espacial como a Índia dos nossos dias. Somos um produtivo campo agrícola e uma monstruosa favela urbana dissolvidos numa geleia geral da ignorância e de doenças crônicas.

Enquanto as mulheres brasileiras parem no chão imundo de hospitais abandonados pelos traidores de Hipócrates, as bestas do apocalipse discutem se vestimos azul ou cor de rosa.

A minha geração, Senhor Ministro, trabalhou com afinco e dedicação à pátria para construir um Brasil justo e desenvolvido. Conseguiu abarcar o mundo com uma diplomacia reconhecida universalmente. Trouxe dinheiro, educação, ciência, cultura, tecnologia, e estabeleceu parcerias estratégicas com os Estados Unidos, Alemanha e China.

Se fomos ocupados, em determinado momento, por uma legião de hipócritas carreiristas, que venderam a alma ao diabo em troca de promoções e postos de luxo, para servir a um projeto partidário momentâneo de poder, digo a Vossa Excelência que o oposto do oposto é o igual ao igual.

Peça ao seu colega nomeado para a assessoria internacional da Presidência da República para fazer o concurso para a carreira diplomática. Se passar, integre-o à carreira de estado à qual o Senhor pertence. Não deixe se repetir a nefasta atuação do Professor Marco Aurélio Garcia, que servia ao PT e não ao Brasil. Não toque fogo em sua própria casa.

Quando Ministro-Conselheiro em Havana, no auge do poder petista, e com um chefe membro do partido dos trabalhadores, proibi terminantemente reuniões políticas na Embaixada. Com argumentos de bom senso convenci a minha chefia de que a Embaixada era do Brasil e não do PT. O Secretário de Relações Internacionais do PT, que frequentava regularmente Havana, foi fazer suas reuniões partidárias com o Partido Comunista de Cuba, em outro lugar, que desconheço.

Não participe da destruição de sua Casa. Triste ver chanceleres de 13 países inexpressivos serem comandados por teleconferência desde Washington, com um capataz canadense ao lado. Os Estados Unidos, senhor Chanceler, é quem mantém viva a ditadura de Maduro comprando o seu petróleo, da mesma maneira que mantém viva e operante a monarquia sanguinária e ditatorial da Arábia Saudita.

Não é em cada cem anos que o Brasil tem a sorte de ter um Chefe militar com as qualidades morais, patrióticas, democráticas e a força física e espiritual do General Villas Boas. Corremos o sério risco de uma politização em nossas forças armadas. Não será uma divisão da guerra fria, entre esquerda e direita. Será, e Deus queira que não aconteça, uma divisão entre nacionalistas e entreguistas.

Muitos não aceitarão sair das garras dos serviços de inteligência de Cuba para cair nas garras dos serviços de inteligência dos Estados Unidos e de Israel. Preste atenção no que está acontecendo na Alemanha de Ângela Merkel. Quem está interessado em destruir o Itamaraty?, é a pergunta que se faz nos corredores de sua Casa.

Miguel Gustavo de Paiva Torres é diplomata.

HIPOCRISIA PURA Base militar americana já existe no Brasil, reativada em 2008 no governo Lula

Hoje, petistas criticam Bolsonaro por admitir base dos EUA no Brasil

Os EUA mantêm bases militares, navais e aéreas em mais de trinta países. Alguns têm várias bases militares. Só na Alemanha são 34.

Ao admitir base militar americana no Brasil, o presidente Jair Bolsoraro provocou críticas dos adversários. Pura hipocrisia. Há no Brasil uma base dos “Marines” (US Marine Corps), reativada durante o governo Lula, em 1º de julho de 2008. A esquerda não deu um pio. A base pertence à 4ª Frota da Marinha dos EUA, responsável pelo Atlântico Sul e Caribe. Em 2011, autoridades brasileiras participaram alegremente da celebração dos 235 anos da Independência americana. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) foi à base dos Marines em São Paulo, em 2011, para celebrar o 4 de Julho, data nacional dos EUA.

Os EUA têm bases em todo o mundo; Alemanha, Itália, Japão, Turquia, Portugal, Dinamarca, Espanha, Coreia, Austrália, R.Unido, Israel, etc.

Os EUA mantêm bases militares, navais e aéreas em mais de trinta países. Alguns têm várias bases militares. Só na Alemanha são 34.

Na Itália, o Exército dos Estados Unidos mantém cerca de 11,5 mil homens no país europeu há pelo menos três décadas.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com