Casas dos conjuntos Canaã I e II em Vargem Grande estão sendo vendidas com menos de mês que foram recebidas

 

Algumas perguntas são necessárias serem feitas aos mutuários contemplados com unidades habitacionais nos conjuntos Canaã I e II em Vargem Grande, bem como a Caixa Econômica e a Secretaria de Ação Social do Município.

A primeira de todas elas é: Quais os critérios para que as pessoas se habilitassem para participar do sorteio das unidades habitacionais? Critério político? social? Renda?

Existe um prazo para que os mutuários possam desistir do imóvel e vende-lo?

Mas o fato que chama a atenção é que vemos muitos pais de família que foram inscritos, sorteados e segundo eles, depois, foram substituídos por pessoas que possuem outros imóveis e em alguns casos não demonstram nenhum interesse de ocupar os imóveis, receberam o imóvel e por não ter necessidade, estão vendendo.

Os preços variam, de R$ 2.500,00 até R$ 5.000,00, dependendo da cara do comprador.

Amigos nossos foram procurados por mutuários que queriam vender o imóvel. E aí cabe a pergunta: Esses imóveis foram criados para pessoas de baixa renda ou foram entregues para se fazer especulação imobiliária. De uma coisa temos certeza. Pode até ser legal a venda, mas é no mínimo imoral, uma vez que pessoas que realmente precisam dos imóveis não foram contemplados.

Mais uma vez se usa o dinheiro público para fazer política, esquecendo o lado humano que é ao nosso ver, o mais importante. Onde estão o Ministério Público e a Caixa Econômica para acabar com mais esse desmando? Vamos continuar na espera da resposta dos órgãos competentes, só não se sabe até quando vamos esperar.

2 ideias sobre “Casas dos conjuntos Canaã I e II em Vargem Grande estão sendo vendidas com menos de mês que foram recebidas

  1. Acho essa venda um absurdo…tem muitas famílias que realmente precisam…enquanto tem outras que tão se aproveitando da situação pra garantir um bom dinheiro… com a venda dessas casas…o certo era se ñ precisa passa legalmente pra uma família que realmente precisa para morar….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *