Doutor Morita é homenageado com comenda Pacto pela Paz na SSP em São Luís

Dr. Samuel Morita em um outro momento concedendo entrevista ao titular do Blog

O Delegado Samuel Antonio Morita Nocko, foi homenageado semana passada na Sede da Secretaria de Segurança Pública em São Luís.

O delegado recebeu das mãos do Sr. Secretario de Segurança Jefferson Portela e através do coordenador do programa Pacto pela Paz Dicival Gonçalves, uma placa de cerificação pelo apoio prestado ao programa dentro de sua regional.

Dr. Samuel Morita que é lotado na Regional de Itapecuru com mais de uma dezena de municípios sobre a sua Jurisdição, desempenha um trabalho com seriedade e competência, que juntamente com a sua equipe de policiais civis, vem mantendo a ordem dentro de sua área de atuação.

Por esse motivo, recebe o reconhecimento através dos órgãos de segurança no estado e também do Judiciário, pela contribuição em favor da Paz\ em todos os municípios que lhes são afetos. Fica aqui também o reconhecimento da população de Vargem Grande que sempre reconhece a sua incansável luta como de sua equipe, no combate e a criminalidade.

CORPO DE HOMEM É ENCONTRADO EM AVANÇADO ESTADO DE DECOMPOSIÇÃO, NA ZONA RURAL DO MUNICÍPIO DE SANTA LUZIA/MA

O corpo de um homem identificado por Valder, foi encontrado na manhã desta quinta-feira (27), próximo ao povoado Santo Onofre a 50 km da sede do município de Santa Luzia/MA. Valder “Valderzinho” estava desaparecido há 4 dias, os indícios são de acerto de contas, pois de acordo com populares que estiveram no local, sobre seu corpo foi deixado um bilhete escrito “isso é pra você aprender a bater em cara de homem”, escrita de autoria desconhecida. O seu corpo apresentava perfurações a bala.
Ainda de acordo com populares Valder saiu a 4 dias atrás do povoado Santo Onofre em direção a Promaza. Junto ao seu corpo estava a motocicleta usada por ele e seu corpo nas imediações de um lago, entre os dois povoados as margens da BR-222.

Jovem morre em acidente de moto em Vargem Grande

Mais um acidente com vítima fatal aconteceu às 9hs e 30 min da noite ontem na av. Castelo Branco no centro da cidade de Vargem Grande.

Resultado de imagem para ILUSTRAÇÃO DE ACIDENTE DE MOTO

Ilustração

Testemunhas informaram que Vanderlan da Silva Leitão, que reside na travessa do açude Nº 199 neste município, trafegava no sentido decrescente da via, no sentido do seu bairro, enquanto isso, Joran Almeida da Silva, que residia na rua São Tomé, vinha de uma via secundária e ao tentar entrar na avenida colidiu com Vanderlan. Na colisão os dois que estavam sem capacete, bateram as cabeças, tendo Vanderlan corte no coro cabeludo e escoriações no ombro direito, enquanto Joran que veio a óbito na colisão, deu entrada no necrotério do Hospital municipal aos 00:20 min de hoje 27/12.

Vanderlan trabalha em uma oficina de motos próximo a Panificadora Luíza enquanto Joran trabalhava no depósito de bebidas do Bar do Lourinho.

O corpo da vítima está sendo velado na rua São Tomé onde residia.

 

FAZENDEIRO “MESSIAS DA PNEU ZERO” É PRESO ACUSADO DE SER UM DOS MANDANTES DO ASSASSINATO DO PREFEITO DE DAVINÓPOLIS

O empresário Antônio José Messias, conhecido popularmente como “Messias da Pneu Zero”, de 62 anos, foi preso por volta de 21h dessa quarta-feira (26) por policiais do Departamento de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) acusado de ser um dos mandantes do assassinato do prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva.

Messias, que atualmente é fazendeiro na cidade, teve mandado de prisão decretado pela justiça, válido por 30 dias, a pedido dos delegados que investigam o caso.

Além da prisão, a Polícia também cumpriu mandado de busca e apreensão na fazenda do acusado, em Davinópolis. No local, foram encontradas armas de grosso calibre.

A empresa Pneu Zero é comandada pelo filho de Messias. Ele vinha se dedicando à atividade de fazendeiro.

Messias foi autuado em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo. O flagrante foi feito pela delegada Silviane Tenório. Em seguida, o fazendeiro foi encaminhado para Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz (UPRI), antiga CCPJ.

“Messias da Pneu Zero” foi candidato por duas eleições à Câmara de Vereadores de Davinopolis, em 2008 e 2012, mas em nenhuma conseguiu se eleger.

Ele é natural de Lagolândia, no estado de Goiás, mas se estabeleceu na região tocantina há bastante tempo.

EX-PREFEITO DE ITAPECURU É CONDENADO POR EMPREGAR PARENTES NA PREFEITURA

Uma sentença da 1ª Vara da comarca de Itapecuru-Mirim condenou o ex-prefeito do Município, Magno Rogério Siqueira Amorim pela prática de nepotismo na Administração Pública de Itapecuru, além dos parentes Marília Teresa Siqueira Amorim, Milton Silva Amorim Filho, Mágella Isabel Siqueira Amorim, Mylenna Cintia Siqueira Amorim e Wanderson Sousa Martins, por terem concorrido para a prática do ato ilegal e obtido vantagem pessoal.

O ex-prefeito Magno Rogério Amorim foi condenado à suspensão dos direitos políticos pelo prazo de seis anos; à restituição do valor de R$ 108 mil e pagamento de multa civil de R$ 108 mil; e à proibição de contratar com o Poder Público ou receber incentivos fiscais ou creditícios pelo prazo de cinco anos.

Os demais requeridos na ação também foram condenados à suspensão dos direitos políticos pelo prazo de oito anos e à proibição de contratar com o Poder Público ou receber incentivos fiscais ou creditícios; e terão que ressarcir os valores recebidos individualmente de forma irregular durante o contrato, totalizando R$ 143 mil.

A sentença, do dia 17 de dezembro, tem assinatura da juíza Laysa Paz Mendes, em ação civil pública por ato de improbidade administrativa proposta pelo Ministério Público Estadual. Na ação, o MP apontou que o ex-prefeito Magno Rogério, na condição de gestor público, incidiu dolosamente na prática de nepotismo no âmbito do Executivo municipal, tendo nomeado para vários cargos comissionados do quadro de pessoal municipal parentes consanguíneos como irmãos e cunhados, fatos ocorridos no exercício de 2013.

Notificados, os requeridos apresentaram defesa alegando inépcia da petição inicial por cerceamento de defesa; ausência de violação de princípios constitucionais e pedindo rejeição do pedido, entre outros. Também levantaram ausência de dolo para a prática do ato ímprobo, e a inexistência de dano ao erário, porque os serviços dos cargos para os quais foram nomeados foram efetivamente prestados.

Na sentença, a magistrada citou entendimentos da doutrina e jurisprudência a respeito da prática de nepotismo no Brasil, objeto da Súmula Vinculante Nº 13/2008 do Supremo Tribunal Federal (STF). “A regra é que o provimento de cargo e emprego público é feito por concurso público”, ressalta.

Para a magistrada, a nomeação de parentes sem concurso para cargos em comissão fere os princípios constitucionais da moralidade, impessoalidade, igualdade e eficiência. Segundo o documento, os argumentos lançados pelos requeridos não foram suficientes para descaracterizar o ato de nepotismo e os atos de improbidade dele decorrentes, tendo sido comprovada a nomeação dos parentes para cargos em comissão sem o devido concurso público. “Configurado, portanto, o nepotismo, com clara violação à Súmula Vinculante Nº 13 do STF, relativa à ofensa aos princípios constitucionais, enquadrando-se como ato de improbidade administrativa praticada por todos os requeridos – autoridade nomeantes e parentes nomeados – vislumbrando-se também a prática de ato de improbidade causador de lesão ao erário, por concorrer para que terceiros enriquecessem ilicitamente”, frisou.

Fonte: Neto Ferreira

Constituição blinda o polo de Manaus

VICENTE LIMONGI NETTO

Neste ano de 2018, completaram-se 30 anos da maior estratégia de proteção para a manutenção das especificidades tributárias do modelo Zona Franca de Manaus a Constituição Brasileira Essa segurança jurídica oferecida pela Constituição é responsável por blindar o modelo de desenvolvimento regional, apesar dos muitos fogos-amigos dentro do território nacional. No exterior, a Zona Franca de Manaus é reconhecida como case de sucesso que possibilita o desenvolvimento regional e a preservação de um dos maiores patrimônios da humanidade: a Amazônia Brasileira. Prova disso é o fato de a Organização Mundial do Comércio  ter deixado de fora a ZFM na condenação de cinco dos sete programas adotados pelo Brasil em sua política industrial.

O presidente do Centro da Indústria do Amazonas, Wilson Périco,em entrevista ao Jornal do Comércio de Manaus,  enfatiza o posicionamento da OMC. “A OMC questiona a proteção de mercado para segmentos, como o setor automobilístico e de informática, mas reconhece a ZFM como instrumento paro a soberania nacional garantida na Constituição”, afirma. A decisão foi anunciada em Genebra pelo órgão de apelação da OMC e pode abrir uma brecha para uma eventual retaliação por parte de europeus e japoneses. Foi condenada a forma pela qual os incentivos São dados por meio da Lei de Informática, do Padis (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico da Indústria de Semicondutores e Displays), além do Inovar-Auto, da Lei de Inclusão Digital e o PATVD (Programa de apoio ao desenvolvimento tecnológico da indústria de equipamentos para a TV digital).

Em Brasília, membros da equipe de transição indicaram que a decisão da OMC é “bem-vinda”, uma vez que o novo governo já estava avaliando a retirada de incentivos. Mas o fim desses programas não é tão simples, já que existem obrigações assinadas com empresas que fizeram investimentos e compromissos contratuais. O que deve gerar complicadas questões jurídicas posteriormente. Mesmo com a ameaça de retirada de incentivos pelo novo governo, a Constituição, mais um vez, deve fazer a diferença em defesa dos interesses da ZFM e da economia amazonense. Wilson Périco avalia que o fato do novo governo ter se comprometido em respeitar a Constituição em primeiro lugar diminui consideravelmente os riscos de qualquer medida abrangente contra o modelo regional, apesar da pressão interna, vinda principalmente do Sudeste.

Outro ponto que acende um alerta sobre os interesses da ZFM é o encaminhamento da reforma Tributária, mesmo com a inclusão de emenda do deputado federal Pauderney Avelino acolhida pelo relator Luiz Cados Hauly (PSDB-PR). “Precisamos acompanhar e ficarmos atentos aos desdobramentos”, afirmou Wilson Périco. O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) avalia que o conjunto de propostas econômicas defendidas pela equipe do presidente Temer ao eleito Jair Bolsonaro (PSL), entre elas, a redução dos incentivos fiscais das indústrias de concentrados de refrigerantes, vai resultar no enfraquecimento da Zona Franca de Manaus. Para ele, é preciso manter guarda alerta contra esses ataques. “Ao mesmo tempo que é fundamental resistir, precisamos construir alternativas econômicas”, disse. Para ele, é preciso investir em uma infraestrutura mínima para o desenvolvimento de potencialidades como batismo, produção de peixe e mineração.

Parasitas foram amolar o Papa
Bando de idiotas, demagogos,  desocupados e imaculados de meia pataca, entre eles, Chico Buarque foi ao Vaticano  chorar pitangas com o Papa a favor do  presidiário de Curitiba. Ensoparam o solidéu branco de Francisco com lágrimas de crocodilo e  papelucho de 100 páginas. Depois de boa cochilada, o Santo Padre deu um terço e um panetone para cada um e afirmou que não tem poderes celestiais nem jurídicos para tirar Lula da cadeia.

Médium safado e desmoralizado
O farsante João de Deus está acabado e desmoralizado. Usou durante 40 anos o nome do verdadeiro Deus em vão. Estuprou e seviciou centenas de mulheres vulneráveis  que iam procurá-lo em busca de atendimento espiritual. Merece ser punido com rigor. Cadeia para ele. Nessa linha, o pior castigo para o crápula é deixá-lo na miséria. Merece perder toda a imensa fortuna para as mulheres que abusou, através de ações de indenização. Apodreça no inferno.

Imbecil PC Caju
O peçonhento Paulo Cezar Caju é um fanfarrão patético, ridículo, amargo e recalcado. Não tem autoridade nem moral para criticar ninguém. Muito menos os dirigentes da CBF. O passado do ingrato PC Caju não é recomendável para ninguém. Disse o passado? Vá lá, vá lá. Sempre foi reserva na seleção. Obteve relativo destaque graças aos verdadeiros craque com os quais jogou, como Carlos Alberto Torres, Pelé, Gerson e Rivelino. Quem merece usar, pelo resto da vida tornozeleira no cérebro é o  torpe e leviano Paulo  Cezar Caju.  Volta para o esgoto, Caju.

Trabalho que engrandece o senado
Balanço vitorioso e produtivo. Fruto do trabalho incansável, em 2018, na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do senado federal, presidida pelo senador Fernando Collor: 31 audiências públicas, com 95 convidados, entre especialistas e autoridades; 75 acordos internacionais; 100 reuniões; 255 matérias aprovadas; 60 embaixadores sabatinados e 27 painéis do ciclo de debates ” O Brasil e a ordem internacional: estender pontes ou erguer barreiras?”

‘Ela’ primorosa
Revista Ela, do Globo, comemora 55 anos com altivez, beleza,alto astral,  elegância e excelente jornalismo. Sob a direção impecável do craque Bruno Astuto.

Rolas
O crápula e canalha que se diz Márcio Cardoso, adorou o presente de papai-noel: um saco imenso de rolas. De todos os tamanhos e cores. Como o guloso  gosta.