PM e ex-PM são presos pelo assassinato de Marielle Franco

Destacado

Policiais da Divisão de Homicídios e promotores do Ministério Público do Rio de Janeiro prenderam, na manhã desta terça-feira (12), o policial militar reformado Ronnie Lessa, 48 anos, e o ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz, de 46 anos. A força-tarefa que levou à Operação Lume afirma que eles participaram dos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.
A investigação ainda tenta esclarecer, no entanto, quem foram os mandantes do crime e a motivação.A Operação Lume realiza ainda mandados de busca e apreensão contra os denunciados para apreender documentos, telefones celulares, notebooks, computadores, armas, acessórios, munição e outros objetos. Durante todo o dia, haverá buscas em 34 endereços de outros suspeitos.
“É inconteste que Marielle Francisco da Silva foi sumariamente executada em razão da atuação política na defesa das causas que defendia”, diz a denúncia, acrescentando que a barbárie praticada na noite de 14 de março do ano passado foi um golpe ao Estado Democrático de Direito.
Agentes faziam varredura na residência de Ronnie à procura de armas e munição. Detectores de metais vasculhavam o solo, e até uma caixa d’água foi vistoriada.

Bandidos tentam incendiar ônibus e arma falha ao mirarem na cabeça de cobradora

Destacado

Um ônibus foi atacado por aproximadamente 15 bandidos na madrugada desta terça-feira (12), na Estrada da Mata, em Paço do Lumiar, Região Metropolitana de São Luís. O motorista e a cobradora foram registrar a ocorrência no plantão policial da Cidade Operária. Em outra ocorrência, na Vila Lobão, cobradora disse que arma falhou quando bandido tentou atingi-la.
Segundo o motorista, eram cerca de 15 bandidos que teriam como objetivo atear fogo no veículo que fazia linha “Sarney Filho/Deodoro”, mas foram impedidos por conta da reação do próprio motorista. O condutor disse que viu os bandidos com galões contendo líquido que suspeita ser combustível.
No momento da fuga do motorista, alguns bandidos jogaram pedras na parte da frente do ônibus. O coletivo foi batido ainda em partes laterais e principalmente na traseira.
No momento do ataque, não tinha nenhum passageiro ainda, pois o coletivo tinha acabado de sair da garagem e seguiam para fazerem a primeira viagem do dia.
Assalto na Avenida dos Franceses
Também no começo do dia desta terça-feira, por volta das 5h30, na Avenida dos Franceses, no bairro Vila Lobão, em São Luís, um coletivo que fazia linha “Cidade Olímpica/Rodoviária” foi alvo de cinco bandidos armados. Eles roubaram cerca de 40 pessoas entre passageiros e responsáveis pela viagem. A cobrada disse ainda que escapou de sofrer um tiro de um dos bandidos, pois ele apontou a arma e apertou o gatilho em direção a ela, mas a arma falhou.
“O ônibus estava cheio e todos os passageiros foram assaltos. Levaram tudo. Eu não reagi e pediu para eu não olhar para cara dele. Depois disso ele colocou a arma na minha cabeça e apertou o gatilho, mas a bala não saiu”, disse a cobradora.(Com informações G1MA)

MARANHÃO: Conheça ranking das dez empresas com mais reclamações em 2018

Destacado

PorSergio Matias à

O Instituto de Proteção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (Procon/MA) divulgou, nesta segunda-feira (11), o ranking das empresas mais reclamadas em 2018. Em primeiro lugar na lista vem a Faculdade Pitágoras, com 209 reclamações, seguida do Banco do Brasil, com 170, e da Oi Móvel, com 149 reclamações fundamentadas. A divulgação ocorreu durante a abertura da 5ª Semana de Prevenção e Combate ao Superendividamento, no VIVA do Shopping da Ilha, em cumprimento ao artigo 44 do Código de Defesa do Consumidor.
O ranking é baseado nas reclamações fundamentadas atendidas e as não atendidas, que são aquelas em que a análise das provas constatou as infrações.
De acordo com a presidente do Procon/MA, Karen Barros, o ranking das mais reclamadas e o índice de solução de conflitos são importantes para o consumidor compreender quais as empresas buscam melhorar os serviços e quais permanecem com falhas.
“Nossa equipe trabalha incansavelmente para que os indicadores de solução de conflitos sejam cada vez melhores, harmonizando, assim, as relações de consumo por meio da garantia do direito do consumidor. Ainda há muito a avançar, por isso, continuaremos atuando com ações preventivas, de orientação e fiscalização”, afirma a presidente.
Variações
A administradora de cartões de crédito Bradescard registrou melhora em seus serviços, caindo do sexto para o décimo lugar no ranking.
A Cemar, também, apresentou melhoras, saindo do primeiro lugar para a quarta posição.
A Oi Móvel S/A se manteve na mesma colocação do ano passado, ocupando a terceira colocação.
A OI Fixo desceu da segunda posição no ranking para o sexto lugar, e a Caema, que em 2017 ocupava o quinto lugar, neste ano ficou fora do ranking das 10 mais reclamadas.
Ranking das dez empresas com mais reclamações em 2018
1º Faculdade Pitágoras2° Banco do Brasil3º OI Móvel S/A4º Cemar5º Grupo Claro Brasil6º OI Fixo7º Motorola8º Banco Bradesco9º Caixa Econômica Federal10º Bradescard

ACABOU O REPELENTE: MURIÇOCA É PRESO EM ROSÁRIO POR INVADIR RESIDÊNCIA E SUBTRAIR APARELHO DE SOM

Destacado

Blog do Alex Ramos 

A Central do 27° BPM, sob o comando do Major Pereira foi informada via celular que na madrugada do dia (10.03.19) o sujeito identificado como Danilo Matos Lima vulgo “Muriçoca”, 18 anos, residente na Rua Marcone Bimba, bairro Cidade Nova, Rosário, teria invadido a residência da vítima e levado alguns objetos tais como TV, caixa amplificada, aparelho de som entre outros não especificados. 

A Central repassou a informação para a guarnição que foi ao endereço do acusado e conseguiu capturá-lo recuperando o aparelho de som Sony com duas caixas. O acusado foi entregue sem lesões juntamente com os objetos na DP para procedimentos necessários

Assaltante é preso embaixo de cama durante assalto a residências na Vila Nova República, em São Luís

Destacado

Policiais do 21º BPM prenderam em flagrante, por volta de 14h dessa segunda-feira (11), o assaltante identificado como Hugo Lima Ferreira, durante roubos a residências na Rua Fé em Deus, no bairro Vila Nova República, na área do Maracanã, na zona rural de São Luís.
Segundo a PM, após informações de que um homem havia invadido uma residência, a guarnição foi ao local e constatou que ele poderia estar dentro de uma das três casas invadidas. Nas duas primeiras, constatou-se que ele há havia se evadido, devido aos rastros deixados.
Na última casa, os PMs viram um senhor operado e visivelmente nervoso. Na busca no interior do imóvel, os policiais encontraram o assaltante escondido embaixo da cama em um quarto escuro. 
Após a prisão do criminoso, o enfermo revelou que fora ameaçado com uma faca para que não revelasse seu paradeiro. 
Como o assaltante resistiu à prisão, foi necessária a aplicação de técnicas de imobilização, além do uso de algemas. Em seguida, a guarnição localizou os pertences subtraídos das residências das vítimas. 
Em razão das ameaças de linchamento por populares, o assaltante recebeu voz de prisão e foi imediatamente retirado do local e apresentado no 12° DP, em Pedrinhas, para autuação em flagrante. Fonte Gilberto Lima.

Homem escapa após moto se partir em vários pedaços ao bater contra um caminhão na entrada de Codó

Destacado

Aconteceu por volta das 19h desta segunda-feira, na MA-026, próximo ao povoado Monteviidéo I, um grave acidente envolvendo um jovem identificado pela Polícia Militar como Eleílton da Silva Oliveira.

Ele  bateu violentamente na lateral de um caminhão, a moto chegou a ficar embaixo do dos pneus do veículo e o jovem de 18 anos escapou apenas com ferimentos leves nas mãos.

“Um acidente daquelas proporções e a pessoa escapar só com pequenas escoriações na mão é, realmente, coisa de Deus. A moto partiu em 3 partes, o pneu dianteiro sacou e a pessoa teve apenas escoriações”, contou soldado Frazão que atendeu a ocorrência

Ao policial o motorista do caminhão, Antonio Pereira, que é do bairro São Sebastião,Teresina-PI, contou que se assustou com o barulho da batida e também achou incrível que o rapaz, que vinha numa moto sem farol, sem capacete, sem documentação de uso obrigatório e sem CNH, escapou ileso.

“Ele disse que deu sinal pra entrar no posto de combustível, passou uma senhora por ele, aí ele entrou, não viu ninguém ele só ouviu a pancada na lateral porque segundo ele, segundo testemunhas e segundo a própria mãe do envolvido, do Eloilton, a moto dele estava sem farol e à noite em alta velocidade”, afirmou o policial após ouvir a principal testemunha do fato

Post to Twitter

 Postar no Twitter

POLICIAL MILITAR MORRE EM MIRINZAL DURANTE PERSEGUIÇÃO A BANDIDOS

Destacado

W

O soldado da Polícia Militar, Samuel Caetano de Albuquerque Marques, 21 anos, morreu durante uma perseguição a criminosos na manhã desta segunda-feira (11) em Mirinzal.

Segundo informações da PM, o policial estava perseguindo bandido em uma motocicleta quando se chocou com um poste. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Caetano era natural de Teresina (PI) e ingressou na Corporação do Maranhão em 2018, sendo lotado na 2ª Companhia Independente de Mirinzal.

O Comando da Polícia Militar emitiu nota de pesar. Leia abaixo:

É com pesar que o Comando da Polícia Militar em nome de seus oficiais, praças e funcionários civis lamenta profundamente a morte do soldado Samuel Caetano de Albuquerque Marques, 21 anos, que era lotado na 2ª Companhia Independente, na cidade de Mirinzal. O policial militar morreu vítima de acidente motociclístico durante uma perseguição a criminosos na manhã desta segunda-feira (11), naquela cidade.

A família policial militar estende seu pesar e solidariedade à família do Soldado Caetano, neste momento tão difícil e de grande dor.

O policial era natural de Teresina (PI) e ingressou na Polícia Militar no ano de 2018, nesse pouco tempo na Instituição sempre cumpriu suas missões com afinco, compromisso e responsabilidade, empenhado na nobre missão de defender a sociedade e manter a ordem pública. Deixa aos amigos de farda uma lacuna e exemplo de grande profissional e amigo”.

Fonte: Neto Ferreira

PERCIVAL PUGGINA Hipocrisia!

Destacado

Se você perguntar a um desses jovens desorientados, que assumem Che Guevara como referência, qual o motivo dessa veneração, certamente ouvirá como resposta que a grande virtude do argentino era a coerência com seu ideal. Afinal, Guevara deu a vida por ele. Claro que Jesus Cristo foi infinitamente superior, mas Jesus Cristo, nesses casos, está fora de cogitação.  O que não passa pela cabeça da moçada é que esse supremo sacrifício é uma característica de seres notáveis, mas há condições para merecer o adjetivo: 1ª) que o ideal seja nobre e 2ª) que quem o abrace não se sinta no direito de sair por aí matando quem dele discorde. Che Guevara se desqualifica em ambas. Seu ideal já era comprovadamente desastroso quando o abraçou e ele se permitiu, enquanto tentava instalar uma guerrilha comunista na Bolívia, escrever sobre sua própria “sede de sangue”. Era uma sede em proporções cósmicas porque nem mesmo uma guerra nuclear entre a URSS e os EUA, a partir de uma base de ogivas em Cuba, deixava de lhe parecer apetitosa e desejável. “Um, dois, três, mil Vietnãs!” não enchiam seu copo.

Dito isso em menos palavras, fica assim: a coerência com um ideal errado, é algo maléfico, que produz desastres pessoais e universais com regularidade absolutamente previsível. É a “coerência” dos que na vida pessoal se recusam a refletir sobre as consequências dos seus desacertos, de seus vícios e fraquezas, como se uma linha contínua de males fosse um modelo de retidão. É a “coerência” dos que, na vida social e política, persistentemente empurram nações para seu desastroso ideal.

Pois é por esse mesmo caminho que chegamos à hipocrisia. Com efeito, há um potencial pedagógico no erro humano. No entanto, para que isso ocorra é preciso que: 1º) não disponhamos de um modo mais prático e menos oneroso de aprender; 2º) realmente estejamos interessados em acertar. Esse não é caso de quem, advertido sobre o erro que vai cometer, rejeita a advertência alegando – como tantas vezes se ouve – “deixa-me errar porque errando se aprende”. Estamos aqui diante de um caso flagrante de hipocrisia. O sujeito da resposta não quer aprender. Ele deseja errar porque o erro o atrai.

Dito isso, olhemos o caos social, político, econômico e moral do país. Cada passo nessa direção foi saudado (não preciso dizer por quem na política e na mídia) como progresso, avanço, modernização, busca da justiça, apogeu da liberdade, ruptura das amarras culturais, alegre e festiva ruptura dos fundamentos da civilização ocidental. Brilhantes considerações a esse respeito podem ser lidas no artigo “J’Accuse!” de Paulo Vendelino Kons.

Raros períodos da história humana registram tão triunfante marcha da vaca para o brejo!

Agora, quando a vaca se foi e a nação acordou, quando o projeto se tornou conhecido e seus efeitos foram rejeitados pela maioria da opinião pública, “coerentemente” persistem na defesa dos erros. Dedicam horas de tribuna e programação a lecionar a sociedade que é preciso seguir naquele rumo. É como se dissessem: “Estava tudo indo tão bem e vocês aparecem para atrapalhar nossa farra”. E aí, no apogeu da hipocrisia, se escandalizam ante imagens do caos para cuja construção tanto contribuíram e exigem censura para o que antes aplaudiam.

Percival Puggina, membro da Academia Rio-Grandense de Letras, é arquiteto, empresário e escritor e titular do site www.puggina.org, colunista de dezenas de jornais e sites no país. Autor de Crônicas contra o totalitarismo; Cuba, a tragédia da utopia; Pombas e Gaviões; A Tomada do Brasil. Integrante do grupo Pensar+.