Relatório da reforma da Previdência será lido amanhã na CCJ do Senado

Destacado

 A presidente da CCJ, senadora Simone Tebet, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e o senador Tasso Jereissati durante entrega do relatório da reforma da Previdência.

Marcelo Camargo/Agência Brasil 

Expectativa é que votação do texto ocorra na próxima semana

Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil  Brasília

O relatório da reforma da Previdência no Senado será lido amanhã (28) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa. A leitura está marcada para as 10h e deverá, pelas estimativas do próprio relator, o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), levar cerca de 30 minutos. Em seguida, será concedida vista coletiva para os senadores apreciarem o texto.

A decisão pela leitura nesta quarta-feira só foi possível após um acordo entre os líderes partidários, pois o regimento da Casa prevê um prazo mínimo de 48 horas após a apresentação do relatório, que ocorreu hoje (27) ( ), para a leitura. A votação do relatório de Jereissati está prevista para ocorrer no dia 4 de setembro.

“A votação ocorrerá na quarta-feira [dia 4]. Nós abrimos prazo para a leitura, em um prazo razoável, dos votos em separado, porque provavelmente vai ter mais de um. Abre-se a discussão, encerra-se, vota e encaminhamos para o Davi [Alcolumbre, presidente do Senado] pautar no plenário”, disse a presidente da CCJ, Simone Tebet (MDB-MS).

A presidente recebeu o relatório na manhã de hoje das mãos de Jereissati. Em relação ao texto aprovado na Câmara, o tucano decidiu suprimir do texto dois temas polêmicos: o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e as regras para aposentadorias especiais. Ele garante que a supressão dos pontos não implica em alteração de mérito e, por isso, não precisaria voltar à Câmara para uma nova votação.

Vigia escolar é preso após estuprar estudante menor no interior do Maranhão

Facebook172TwitterWhatsApp

Um homem que trabalha como vigia na Escola Sagrada Família em presidente Dutra-Ma foi preso na manhã de hoje (27) por estupro de vulnerável. Ele está sendo acusado de violentar uma menina de apenas 11 anos estudante de escola pública municipal.

Com ele foram encontrados um revólver, munição, vibrador, três caixas de camisinhas, chave de moto, cartão de crédito e várias identidades..

Em breve novas informações…

Cadela é esfaqueada na cabeça dentro de faculdade em São Luís

Destacado

Nemeria era muito querida e cuidada pelos estudantes. Após o caso, a faculdade afastou um vigilante suspeito de cometer o crime.

Por Rafael Cardoso, G1


Segundo estudantes, a Nemeria é muito querida na faculdade. Ela recebeu várias facadas na cabeça e foi resgatada nesta terça (27) — Foto: Divulgação/Instituição Social de Apoio ao Próximo em São Luís

Segundo estudantes, a Nemeria é muito querida na faculdade. Ela recebeu várias facadas na cabeça e foi resgatada nesta terça (27) — Foto: Divulgação/Instituição Social de Apoio ao Próximo em São Luís

Uma cadela chamada Nemeria foi esfaqueada na cabeça dentro da Faculdade Kroton/Pitágoras, em São Luís. A dona de uma lanchonete encontrou a cachorra ensanguentada durante a manhã desta terça (27) e a levou para uma veterinária.

“Ninguém havia feito nada. Quando ela viu, ficou desesperada, colocou em carro próprio e levou para a veterinária”, relatou Jhessica Mendes, dona de uma ong de proteção aos animais.

Jhessica Mendes, que coordena a Instituição Social de Apoio ao Próximo em São Luís , informou ainda que a cadela é dócil, muito querida pelos estudantes e que nunca fez nada a ninguém.

“Era muito dócil. Inclusive, um aluno já tinha entrado em contato com algumas ONGs para levá-la a adoção. Infelizmente, antes que pudesse ser feito, aconteceu essa barbaridade. Acreditamos que foi feito por pura maldade”, disse Jhessica.

Estudantes acreditam que o crime deve ter ocorrido durante a madrugada. Após o resgate, a cadela chegou muito mal na veterinária. O estado de saúde é estável, mas ela pode ficar cega.

“Como está com muita infecção e inflamação na cabeça, a gente deve fazer alguns exames de sangue e tratar com analgésico e antibiótico. Mas quanto aos exames de imagem, vamos esperar desinflamar porque o estado atual pode afetar o diagnóstico. O que a gente já fez? Fizemos a limpeza da área, alguns suturas dos ferimentos de facada. Em relação aos olhos, pode ser que perca a visão, mas quanto a isso, vamos fazer alguns exames e ver direitinho. Os gastos do atendimento estão sendo arcados pelas pessoas que resgataram e a faculdade”, informou a veterinária que cuida de Nemeria.

Nemeria foi levada para uma veterinária e o estado de saúde é estável — Foto: Jhessica Mendes

Nemeria foi levada para uma veterinária e o estado de saúde é estável — Foto: Jhessica Mendes

Após o caso, a Faculdade afastou um vigilante suspeito de cometer o crime e disse que registou um Boletim de Ocorrência da Delegacia do Meio Ambiente. Em nota, disse ainda que está apurando o caso internamente.

“A faculdade Pitágoras de São Luís – Campus Turu I – MA esclarece que repudia veementemente qualquer ato de violência contra animais. A faculdade esclarece que, preventivamente, afastou o vigilante terceirizado, responsável pela segurança do local, procurou a Delegacia de Meio Ambiente para registro da ocorrência e está apurando internamente o fato para tomar todas as medidas cabíveis junto aos responsáveis. A instituição reitera que permanece à disposição para sanar quaisquer dúvidas adicionais”, diz a nota da instituição.

Faculdade Kroton/Pitágoras, local onde ocorreu o crime contra a cadela Nemeria — Foto: Divulgação

Faculdade Kroton/Pitágoras, local onde ocorreu o crime contra a cadela Nemeria — Foto: Divulgação

A delegada do Meio Ambiente informou que está em viagem e não pode falar sobre o caso. O G1 tentou contato com a Delegacia do Meio Ambiente para saber como andam as investigações, mas não houve retorno às ligações.

IRMÃO E CUNHADA: Casal é preso em Barra do Corda por tentativa de homicídio contra uma mulher

Destacado

Uma tentativa de homicídio ocorreu no último sábado(24) no Povoado Vila Real, distante 20km da sede de Barra do Corda, região central do Maranhão.

PUBLICIDADE

A vítima foi LAUDIENE DOS SANTOS DO NASCIMENTO(33 anos) que por pouco não morreu após agressões praticadas pelo próprio irmão ARIN GONÇALVES DO NASCIMENTO e DENISVAN MACIEL DA SILVA sua cunhada.

DCF2F9AE 7139 407B 8152 10FA45EEA877 1024x1024 - IRMÃO E CUNHADA: Casal é preso em Barra do Corda por tentativa de homicídio contra uma mulher - minuto barra

Em depoimento na delegacia de Barra do Corda, a vítima disse que sempre conviveu na companhia de seus pais naquela comunidade. Relatou que seus pais tem uma propriedade que mede mais de 50 hectares, às margem do Rio Corda. Disse ainda, que seus pais viajaram para o Rio Grande do Sul, deixando a propriedade da seguinte forma; durante a semana, tomaria conta o seu irmão ARIN pelo fato do mesmo residir na propriedade, e nos finais de semana, LAUDIENE e seu esposo PAULO.

Ainda no depoimento, LAUDIENE disse que ela e o esposo colocaram seis arapucas dentro do terreno, sendo que aquilo que fosse pego durante a semana seria para ARI, e aquilo que fosse pego nos finais de semana seria para LAUDIENE e seu esposo PAULO.

A confusão teve início no último sábado(24) quando LAUDIENE e seu esposo PAULO chegaram no Povoado Vila Real, frente a casa de seus pais, quando seu irmão ARIN afirmou que que PAULO não pisaria na propriedade de seu pai, e caso ele tentasse adentrar ao local, ARIN afirmou que lhe daria três tiros. Após tal ameaça, disse a vítima, ARIN pegou uma moto e saiu para sua casa que fica na mesma rua, e LAUDIENE foi atrás e chegando por lá, mandou que o irmão repetisse o que havia dito com seu marido.

LAUDIENE disse que no dia seguinte(domingo) iria sim para a propriedade de seus pais, e ARIN  respondeu; “se tu fores com Paulo, voltam os dois arrastando”. A irmã então pergunta ao irmão se ele de fato teria coragem de fazer isso, e ele respondeu que sim.

Nesta hora, LAUDIENE chama ARIN de corno, momento em que o mesmo chama a esposa DENISVAN e manda ela dá uns tapas na irmã. No depoimento, a vítima afirma que a cunhada não teve coragem de lhe agredir com uns tapas, mas apontou o dedo em seu rosto e perguntou se ela já tinha presenciado traindo seu marido ARIN, e LAUDIENE disse que não, mas que, o irmão sabia que era corno.

Em seu depoimento, ARIN disse que pediu para LAUDIENE provar que sua esposa havia lhe traído, e a mesma disse que não precisaria provar, pois, sua cunhada era uma vagabunda. Nesta hora, a esposa de ARIN já se encontrava com um pedaço de pau na mão e começou a golpear a própria cunhada, irmã do seu esposo.

O casal foi preso pela Polícia Militar e conduzidos para a delegacia de polícia civil. ARIN foi encaminhado para a Unidade Prisional de Barra do Corda e sua esposa DENISVAN para a Penitenciária de Pedrinhas em São Luís.

Polícia prende temporariamente homem por homicídio em São Luís

Destacado

De acordo com a polícia, Luis Filipe de Sousa, de 18 anos, foi preso por suspeita de ter assassinado por vingança Rayanderson Pinto, em março deste ano.

Por G1 MA


Luis Filipe de Sousa, de 18 anos, foi preso temporariamente pela Polícia Civil — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Luis Filipe de Sousa, de 18 anos, foi preso temporariamente pela Polícia Civil — Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil do Maranhão cumpriu nesta terça-feira (27) em São Luís, um mandado de prisão temporária de Luis Filipe de Sousa, de 18 anos, pelo homicídio de Rayanderson Pinto Pinheiro. De acordo com a polícia, Luis Filipe teria cometido o crime por vingança.

O pedido foi expedido pela Vara Central de Inquéritos da Comarca de São Luís. Segundo a polícia, Luis Filipe junto com outro homem, que não foi identificado, teriam assassinado a tiros a vítima por ela ser suspeita de ter matado o tio de Luis, Carlos André de Sousa, após uma briga de bar.

Rayanderson foi morto com cerca de sete disparos de arma de fogo. Após a prisão, Luis Felipe foi encaminhado ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde ficará à disposição da Justiça do Maranhão.

Suspeito de amarrar e matar ex-esposa é preso em São Luís

Destacado

Corpo da vítima foi encontrado despido, amordaçado e com os braços amarrados às margens da linha férrea em Pedrinhas.


Guilherme Carvalho Borges foi preso por suspeita de feminicídio em São Luís — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Guilherme Carvalho Borges foi preso por suspeita de feminicídio em São Luís — Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil do Maranhão prendeu nesta terça-feira (27), em São Luís, Guilherme Carvalho Borges, suspeito de matar uma mulher identificada como Maria Alzimar Ribeiro da Silva. Ao ser ouvido, Guilherme negou ter cometido o crime.

O corpo de Maria foi encontrado despido, amordaçado e com os braços amarrados às margens da linha férrea em Pedrinhas, no dia 19 de agosto deste ano. A polícia chegou até Guilherme após ouvir várias testemunhas, além de analisar imagens de videomonitoramento.

Segundo a polícia, Guilherme é ex-marido de Maria e teria cometido o crime por ciúmes. Ele foi preso após um mandado de prisão preventiva e foi encaminhado para o Centro de Triagem de Pedrinhas.

“Ele olhou ela com o namorado. Ela estava saindo de uma loja de conveniência e, na hora que olhou ele [Guilherme] de longe, pediu para o namorado correr. Tem a filmagem de tudo. O namorado correu. Ela tentou se esconder, mas ele consegue abordar ela, eles discutem, e depois saem junto em direção ao local onde o corpo foi encontrado”, contou a delegada Viviane Fontenelle.

Após passar mal motorista perde controle e colide veículo contra poste em São Luís

Destacado

Um motorista de um veículo sofreu um mal súbito enquanto dirigia na manha desta segunda-feira (26), na avenida dos Holandeses, na altura do bairro Ponta do Farol, em São Luís. O condutor  perdeu o controle após passar mal e colidiu o veículo contra um poste, derrubado-o.

De acordo com informações da Polícia Militar do Maranhão, que esteve no local do acidente, o carro vinha no sentido Calhau – Ponta d’Areia. A vítima foi identificada como Jairton Hilton Duarte Simas, ele sofreu escoriações no rosto, foi socorrido e levado ao hospital.

No carro, modelo Ford Focus sedã, estava a esposa do condutor que, felizmente, não ficou ferida mesmo com a força do impacto.

Uma equipe da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) esteve no local do acidente para organizar o fluxo de veículos na avenida. PMs também auxiliaram no serviço de limpeza da via que ficou suja de óleo, decorrente da colisão.

Grupo criminoso que mandava cocaína para Europa é alvo da PF

Destacado

Uma organização criminosa com atuação no tráfico internacional de drogas é alvo da Operação Alba Virus, deflagrada nesta terça-feira (27) Pela Polícia Federal (PF). O grupo criminoso utilizava o transporte marítimo para enviar principalmente cocaína para países da Europa. As investigações indicam que o grupo teria sido responsável pela remessa de mais de 6 toneladas da droga,

Segundo a PF, as investigações começaram após prisão em flagrante de um dos integrantes da organização, no dia 20 de fevereiro deste ano, no Guarujá, em São Paulo. Por meio dele, os policiais chegaram a outros membros, bem como a diversos bens e imóveis adquiridos com o dinheiro do tráfico. Foram identificados, ainda, diversos integrantes que atuam na aquisição e ocultação dos bens adquiridos com o proveito do crime.

Com a análise dos celulares apreendidos, os agentes encontraram diversos vídeos nos quais os investigados aparecem ocultando grandes quantidades de cocaína em meio a cargas lícitas, em contêineres que embarcaram em navios com destino à Europa.

Desde as primeiras horas da manhã, os policiais federais estão cumprindo 42 mandados de busca e apreensão e 18 de prisão temporária, expedidos pela 5ª Vara Federal de Santos. A Justiça decretou também o sequestro de mais R$ 23 milhões em imóveis. Os mandados estão sendo cumpridos nos em endereços nos estados de São Paulo, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul e da Bahia.

De acordo com a PF, o nome da operação, Alba Virus, em latim, que significa vírus ou veneno branco, faz referência à cocaína, substância entorpecente objeto do tráfico internacional praticado pela organização criminosa.

Os investigados vão responder pelos crimes de organização criminosa, tráfico internacional de entorpecente e associação para o tráfico, sem prejuízo de eventuais outras implicações penais que possam surgir com o descortinar das investigações. Fonte Agência Brasil

“JUQUINHA” É EXECUTADO COM TIROS NA CABEÇA, CRIME FOI REGISTRADO NA CAPITAL, SÃO LUÍS

Destacado

Na manhã de domingo (25), por volta das 8h, ocorreu um homicídio doloso na capital maranhense, mais precisamente, no bairro Filipinho. Lá, mataram Bruno HenriqueSantos Costa, que tinha 25 anos. 

“Juquinha”, como era conhecido, foi assassinado com pelo menos quatro disparos de arma de fogo na cabeça. O crime aconteceu nas proximidades da casa lotérica.
De acordo com informações do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops),“Juquinha” estava tomando uma cerveja em um bar, ao lado da loteria, quando foi baleado na cabeça.

Os autores dos disparos estavam em uma motocicleta, sendo que o garupa desceu e efetuou os tiros, segundo declarações de testemunhas. Bruno Henrique teve morte instantânea, sem nenhuma chance de escapar vivo do atentado.
Ele era muito conhecido no bairro Redenção e era neto do ex-presidente da União dos Moradores daquela localidade.

“Juquinha” tinha diversas passagens pela polícia, por incêndio, ameaças, roubo e homicídio doloso. A Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) está apurando se Bruno teria sido morto por membros do Bonde dos 40, uma vez que o rapaz estava “marcado” na região, segundo moradores contaram.
Do JIB

Incêndio destrói casa onde funcionava um depósito da loja Potiguar em Coroatá

Destacado

Muitos populares participaram do mutirão, juntamente com os funcionários da loja, para salvar parte do material que estava dentro do local. 


Os coroataenses acompanharam ontem, segunda-feira (26), um grande incêndio que destruiu uma casa onde funcionava o depósito da loja Potiguar. Mais do que acompanhar, muitos populares participaram do mutirão, juntamente com os funcionários da loja, para salvar parte do material que estava dentro do local.

O assunto ganhou as redes sociais, principalmente por Coroatá não contar com uma brigada do Corpo de Bombeiros, que poderia ter pelo menos evitado um prejuízo maior. O incêndio durou várias horas e só foi contido depois da chegada dos bombeiros vindos da cidade vizinha Codó.

Segundo as informações iniciais, o fogo teria começado em um terreno no fundo da casa e posteriormente atingido a residência.

O prefeito de Coroatá Luis da Amovelar Filho usou as redes sociais para lamentar o ocorrido e disse que vai tentar trazer uma brigada do Corpo de Bombeiros para o município.

“É lamentável assistirmos mais um incêndio destruir tudo que uma família levou anos para construir. Como prefeito estarei o mais breve possível me reunindo com nossos deputados e senadores para buscar junto com eles, em contato com o governador Flávio Dino, a instalação de um Corpo de Bombeiros em nossa cidade. Já está mais do que na hora disso se resolver”, disse Luís Filho.

Toda eleição é uma nova história

Destacado

Muita gente em Vargem Grande, se apressa em fazer comparações, como se as eleições atuais, fossem a repetição das eleições passadas.

Assim como os gestos dizem mais que as palavras, os números falam melhor que suposições, ou comparações. Vamos aos números:

Nas eleições de 2016 quando foram escolhidos o atual prefeito e a Câmara de vereadores o número de eleitores era diferente do atual. Éramos 32.013 eleitores. Votos válidos, 23.106. votos brancos, 229, votos nulos, 1.803 e abstenção, 6.875 eleitores.

Hoje somos apenas, 27.464 eleitores. Isso quer dizer, que em comparação a eleição passada, perdemos 4.549 eleitores. Isto por si só, começa a mostrar as diferenças. Quem tinha de 13 até 15 anos, hoje é eleitor. E isso nos mostra um outro perfil, o perfil do eleitor do primeiro voto.Com muitas cobranças e novas perspectivas.

E vemos em conversas de apostas, apoiadores desse ou aquele candidato, dizendo que fulano e sicrano estão eleitos vereadores, porque deram para seus candidatos a deputado estadual e federal, uma quantidade razoável de votos. É aí que nos permite dizer no título desta matéria, que cada eleição tem sua própria história.

Os apoiadores desses candidatos talvez não saibam que os candidatos a deputados federal e estadual, investiram em suas candidaturas, repassando numerário, para que seus cabos eleitorais atendessem as demandas do eleitor.

Nessa eleição que se avizinha, os candidatos que receberam dinheiro para bancar campanha de candidatos a deputados, vão ter esse mesmo dinheiro para bancar as suas? Se não, por aí, mais uma vez, a eleição é ser vista num aspecto diferente.

Vamos com calma, não usemos de pessimismo, mas também, não podemos ter na mente um otimismo exagerado, porque a história do já ganhou,ou estou eleito, tem deixado muita gente choroso, deprimido e decepcionado.

Que cada um lute pelo seu ideal,mostrando suas propostas para que possa ser avaliado pelo eleitor.Mas se em sua bagagem a agressão é a única arma que dispõe, use-a, mas ao final da apuração, faça sua mea-culpa, e não reclame dos eleitores.