Caçada aos assaltantes dos Correios deixa uma mulher baleada e um preso em Codó; o casal estava em um veículo roubado

Na noite dessa quinta-feira (28), durante operação de buscas aos bandidos que assaltaram a agência dos Correios, em Codó, policiais militares trocaram tiros com um suspeito que não acatou a ordem de parada.
Duas pessoas estavam dentro do veículo: um homem conhecido como “Moscão” e sua mulher identificada como Roseli Pacheco.

“Moscão” teria enfrentado a PM, não aceitando a abordagem dos policias, iniciando-se um tiroteio que deixou Roseli ferida. Ela foi atingida por dois disparos, nas costas e no braço.  O veículo do casal estava com registro de roubo.
Ela foi encaminhada às pressas para o hospital HGM de Codó, em estado gravíssimo. Ela está sendo submetida a uma cirurgia chamada de Laparotomia, considerada de alto risco.
O tiroteio ocorreu nas proximidades da Praça da Bandeira.
“Moscão” foi preso e conduzido à delegacia. Não há informações se ele teve participação no assalto à agência dos Correio. O problema teria sido ocasionado mesmo porque ele se recusou a ser abordado pela PM. Acabamos de ser informado de que Roseli não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *