CASO KELRRY, MATINHA: IRMÃS SÃO PRESAS EM ROSÁRIO PELO 27° BPM

O crime bárbaro praticado em 09 de abril, pelasduasacusadas, chocou não apenas os moradores de Matinha, mas os maranhenses, pela forma cruel como ocorreu

As irmãs acusadas Tainá e Tainara, são apontadas como autoras da morte a facadas da jovem de 25 anos, identificada como Kelrry Mouzinho,  no centro de Matinha, distante 236 km de São Luís.
A motivação do crime seria um desentendimento entre a vítima e a mãe das acusadas.


Após o fato, as acusadas fugiram, se escondendo na cidade de Rosário – Ma.

Depois de uns dias, elas chegaram a se apresentar acompanhadas de um advogado na Depol Regional de Rosário, sendo liberadas em seguida, uma vez que não havia mandado de prisão contra elas, e também estava fora do flagrante.

Na manhã desta segunda-feira, 29, escondidas numa kit net, foram presas em Rosário, pela Polícia Militar, sob o comando do major Pereira em cumprimento  a decisão judicial.

Ambas serão encaminhadas ao presídio feminino do complexo penitenciário de Pedrinhas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *