Para “furar” a Greve Geral, empresa deixa ônibus dentro do Terminal da Cohama nesta madrugada; rodoviários serão forçados a trabalhar

A empresa Primor quer forçar motoristas e cobradores a trabalhar nesta sexta-feira (14), numa tentativa de “furar” a Greve Geral, que terá adesão do Sindicato dos Rodoviários.
A estratégia da empresa é não deixar os ônibus dentro da garagem, na Avenida Daniel de La Touche, onde terá piquete nesta madrugada, mas estacioná-los dentro do Terminal da Integração da Cohama, de onde sairão para circular normalmente.

Pelas informações passadas ao blog, cerca de 200 ônibus da empresa já estão estacionados na área do terminal. Ainda nesta madrugada, outros ônibus serão levados para o local.
A determinação é para que motoristas e cobradores sigam direto para o terminal, às primeiras horas manhã.
Espera-se que o Sindicato dos Rodoviários tenha força para barrar essa estratégia da Primor e de outras empresas que podem tentar fazer a mesma coisa em outros terminais.

A empresa Ratrans também opera no Terminal da Cohama.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *