Polícia cumpre mandados de prisão contra assaltantes que explodiram o BB no Calhau, em São Luís

Nesta terça-feira (25), policiais do Departamento de Combate ao Roubo a Instituições Financeiras (DCRIF/SEIC) deram cumprimento mandados de prisão temporária contra Paulo Roberto Gomes Silva, conhecido como “Seu Paulo”, de 35 anos, Joel Maia Reis e Alexsandro Falcão Olímpio, conhecido como “Sabão”, envolvidos em explosões de agências bancárias.  
Os três são suspeitos de envolvimento na explosão da agência do Banco do Brasil, no bairro do Calhau, no último dia 3 de junho.
As investigações apontam que os suspeitos são os responsáveis por planejar e executar a ação criminosa que resultou na destruição parcial da agência.
Os três presos são integrantes de uma facção criminosa com atuação em todo território nacional e responsáveis pela prática de diversos crimes ocorridos em São Luís, entre eles homicídios, tráfico de drogas, roubos a transeuntes, estabelecimentos comerciais e instituições financeiras.

Assaltantes presos na terça-feira (18) na Vila Conceição,no Altos do Calhau, em São Luís

A operação foi desdobramento das prisões ocorridas na madrugada de terça-feira (18), na Vila Conceição, no Altos do Calhau, quando foram presos Paulo Silva, Marcos Vinícius Alves Amorim, de 20 anos, e Gustavo de Jesus Galeno Pinto, de 19 anos. 
As prisões ocorreram no instante em que estavam se articulando para praticar mais uma empreitada criminosa. Na ocasião, foram encontrados um artefato explosivo e uma pistola calibre .40., de fabricação austríaca.
Joel Reis coordenava as ações criminosas de dentro do sistema penitenciário.
Alexsandro Olimpo foi preso na quarta (19), na Vila Conceição, após as investigações apontarem a participação no crime.
A polícia dará continuidade às investigações para identificar mais pessoas envolvidas nas ações criminosas dessa quadrilha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *