Falso médico é preso em hospital por exercício ilegal da profissão

Keury Pereira Queiroz, de 28 anos, foi preso nesta terça-feira (06) na cidade de Barra do Corda, a 460 quilômetros da capital maranhense. Ele é suspeito dos crimes de exercício ilegal da medicina e falsa identidade.
A prisão ocorreu no Hospital Municipal de Itaipava do Grajaú, onde Keury foi flagrado atuando como médico. Ele afirmava ser formado em medicina na Bolívia, mas não passou pelo Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida) e nem possui registro do Conselho Federal de Medicina (CRM).
Ainda segundo as investigações, o falso médico estaria ilegalmente tirando plantões de outros médicos devidamente contratados pelo município. As informações confirmam também diversas denúncias de que alguns médicos estariam fechando contratos com várias prefeituras do interior do Maranhão e, posteriormente, repassariam esses plantões por metade ou menos do valor que eles recebem da prefeitura a pessoas que não são médicas, a estudantes de medicina ou pessoas formadas no exterior, mas que não estão habilitadas para atuar no Brasil.
Segue investigação e, além disso, esses médicos e pessoas servidoras da área da saúde também serão ouvidas para se analisar possíveis novos crimes, bem como o envolvimento de outras pessoas em fraudes na área da saúde.
Do MA 10

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *