Ana do Gás, uma política diferente.

HPIM0507Já tinha visto Ana do gás com o esposo, o prefeito de Santo Antonio dos Lopes em Poção de Pedras, no aniversário do prefeito Junho Cascaria. Na oportunidade ela não falou ao público como candidata. Até porque não estava na época. Participou da festa como primeira dama e depois saiu. Não a ví mais. Dia 17 deste mês fui olhar uma palestra na qual ela estava junto com o candidato a Dep. Federal Junho Marreca. Marreca político experiente com dois mandatos de prefeito. E aí foi que vi a diferença de Ana do Gás para os políticos tradicionais. Ao usar da palavra não atacou nem defendeu ninguém. Mostrou com linguagem corriqueira como é possível se chegar a solução dos problemas. Avaliei a sua fala após conversar com alguns amigos que alí estavam para prestigiar o evento ou por pura curiosidade. E foi quase unanimidade a aprovação da Mulher do gás. Aqui em Vargem Grande ela está apoiada por um grupo que intercala entre amigos e parentes. A família Trabulsi tem tradição política. O patriarca Antonio Trabulsi foi prefeito duas vezes em Vargem Grande. Foi quem primeiro trouxe asfalto para a cidade. A aplicação da massa asfaltica era feita de maneira artesanal. Dois filhos de Trabulsi ocuparam cargos na Câmara de vereadores do município. Dr. Farid Trabulsi e Toncha que no seu último mandato exerceu a função de presidente do legislativo municipal. Said de fortes laços políticos com Jakcson Lago, aprendeu com o ex-governador como lidar com o povo, principalmente em momentos de dificuldades. E assim, Ana do Gás vai estendendo sua rede de influencia pelo Maranhão, buscando sempre, pessoas acostumadas na atividade política. Ambos, Trabulsis e Ana estão de parabéns. Os Trabulsi por ter buscado uma mulher simples, bela, educada, envolvente, e acima de tudo política nata, par dar o seu apoio. Ana por ter escolhido um grupo acostumado com os meandros da política. Em qualquer ponto deste estado nesse período eleitoral, nós nos deparamos com carros e propaganda de Ana do Gás. Talvez esse nome não seja só referencia ao gás produzido na sua cidade. Mas também o gás da força que ela possui para em um só dia visitar diversos  municípios e em nenhum momento mostrar sinais de cansaço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *